05 DEZ 2020 | ATUALIZADO 07:49
SAÚDE
26/10/2020 11:43
Atualizado
26/10/2020 11:46

Fadiga constante e doenças frequentes podem ser sinais da deficiência de nutrientes e minerais em seu corpo

A+   A-  
Especialista do Hapvida esclarece a relação de boas vitaminas com o nosso organismo. ''As vitaminas e minerais são responsáveis por várias funções em nosso organismo e a deficiência delas pode causar indisposição e falta de energia. A falta de vitamina D e B, por exemplo, pode causar fadiga. O corpo exige que nutrientes e minerais sejam ingeridos para o crescimento e o desenvolvimento dos nossos sistemas”, explica o nutricionista Alexandre Neves
Imagem 1 -
FOTO: REPRODUÇÃO

Cansaço sem razão aparente, pouca energia, palidez e doenças frequentes podem ser sinais de deficiência de nutrientes e minerais em seu corpo. A gente sabe da importância de consumir alimentos que possuem vitaminas, mas apenas quando elas não estão em um índice bom no organismo é que percebemos a falta que fazem. A indisposição é uma dos principais alertas para essa causa e não ingerir adequadamente o que precisamos, podemos ter complicações de longo prazo na saúde.

''As vitaminas e minerais são responsáveis por várias funções em nosso organismo e a deficiência delas pode causar indisposição e falta de energia. A falta de vitamina D e B, por exemplo, pode causar fadiga. O corpo exige que nutrientes e minerais sejam ingeridos para o crescimento e o desenvolvimento dos nossos sistemas, além da prevenção de doenças crônicas'', explica o nutricionista do Hapvida Saúde, Alexandre Neves.

Ao irmos em farmácias costumam ser oferecidos medicamentos de suplementação para substituir alimentações ou até mesmo tomar antes delas. Mas, o especialista afirma que ''Por meio de alimentos a gente consegue repor essas vitaminas. Para tomar medicamentos, é necessário consultar o nutricionista ou seu médico porque o excesso tem efeito contrário no corpo e é prejudicial''.

O nutricionista esclarece também que é necessário realizar exames para saber de fato se é preciso tomar remédios ou fazer uma dieta restrita. ''Eu vejo poucas pessoas falando também sobre como preparar o organismo para receber e absorver esses nutrientes. Por isso, é necessário consultar o especialista. O nosso cotidiano é realmente estressante até mesmo com a pandemia do novo coronavírus, mas é importante fazer uma alimentação colorida, consumo de água, sendo recomendado 2 litros por dia no mínimo, além da ingestão de frutas, verduras e a realização de atividades físicas''.


Notas

AME

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário