04 MAR 2021 | ATUALIZADO 09:43
POLÍCIA
ANNA PAULA BRITO
05/01/2021 17:32
Atualizado
06/01/2021 08:27

DHM divulga imagens para ajudar a identificar suspeitos de latrocínio, em Mossoró

A+   A-  
O crime aconteceu na noite do dia 28 de dezembro, na Ilha de Santa Luzia. A vítima foi o servidor da Ufersa, José Mário Moura Pinto, de 64 anos. Dr. Valtair Camilo, responsável pela Delegacia de Homicídio de Mossoró, pede a quem souber informações que possam levar ao paradeiro do casal suspeito, que entre em contato com a polícia pelo (84) 98118-1478. A fonte será mantida em sigilo.
Imagem 1 -  DHM divulga imagens para ajudar a identificar suspeitos de latrocínio, em Mossoró. O crime aconteceu na noite do dia 28 de dezembro, na Ilha de Santa Luzia. A vítima foi o servidor da Ufersa, José Mário Moura Pinto, de 64 anos. Dr. Valtair Camilo, responsável pela Delegacia de Homicídio de Mossoró, pede a quem souber informações que possam levar ao paradeiro do casal suspeito, que entre em contato com a polícia pelo (84) 98118-1478. A fonte será mantida em sigilo.
DHM divulga imagens para ajudar a identificar suspeitos de latrocínio, em Mossoró. O crime aconteceu na noite do dia 28 de dezembro, na Ilha de Santa Luzia. A vítima foi o servidor da Ufersa, José Mário Moura Pinto, de 64 anos. Dr. Valtair Camilo, responsável pela Delegacia de Homicídio de Mossoró, pede a quem souber informações que possam levar ao paradeiro do casal suspeito, que entre em contato com a polícia pelo (84) 98118-1478. A fonte será mantida em sigilo.
FOTO: REPRODUÇÃO

A Delegacia de Homicídios de Mossoró divulgou, nesta terça-feira (4), vídeo do homem e da mulher suspeitos de terem cometido vários assaltos e um crime de latrocínio na cidade de Mossoró, na noite do dia 28 de dezembro de 2020.

Na noite em questão, a dupla roubou uma motocicleta no bairro Walfredo Gurgel e, em seguida, seguiu para a Ilha de Santa Luzia, onde abordou a família do servidor da Ufersa, José Mário Moura Pinto, de 64 anos, que estava em uma calçada.

O idoso teria reagido a tentativa de assalto e acabou sendo baleado. Ele morreu ainda no local, antes da chegada do socorro.

Veja mais:

Funcionário da Ufersa reage a tentativa de assalto e é morto com um tiro


Os suspeitos foram flagrados por diversas câmeras de segurança de ruas por onde passaram, a pé, antes dos crimes. As imagens foram divulgadas, visando identificá-los, para que sejam presos e devidamente punidos pela justiça.

O delegado Dr. Valtair Camilo, titular da DHM, pede a quem souber informações que possam levar ao paradeiro do casal suspeito, que entre em contato com a polícia pelo (84) 98118-1478. A fonte será mantida em sigilo.


Notas

Posto JP Fevereiro de 2021

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário