13 ABR 2021 | ATUALIZADO 18:12
VARIEDADES
27/02/2021 11:15
Atualizado
27/02/2021 11:20

Como cuidar corretamente de um carro que não será usado durante um tempo

A+   A-  
Não é comum comprar carros usados Nissan, Fiat, Chevrolet ou Toyota, e deixar eles na garagem durante um bom tempo. Geralmente quem compra um carro usado, seminovo ou novo, compra para ir para o trabalho, para a faculdade, para levar os filhos para escola ou simplesmente para viajar com a família ou com os amigos.
Imagem 1 -
Divulgação/Nissan

Em algumas ocasiões a gente precisa viajar para outro país, trabalhar em casa ou simplesmente descansar, deixando de utilizar o carro por um tempo. Isso significa que alguns cuidados especiais devem ser tomados para que o veículo não sofra consequências.

Não é comum comprar carros usados Nissan, Fiat, Chevrolet ou Toyota, e deixar eles na garagem durante um bom tempo. Geralmente quem compra um carro usado, seminovo ou novo, compra para ir para o trabalho, para a faculdade, para levar os filhos para escola ou simplesmente para viajar com a família ou com os amigos.

Mas há certas ocasiões nas quais o carro deverá ficar parado: uma longa viagem para o exterior por causa de férias ou de estudos, um período de home office que não exige, portanto, o uso do veículo, uma cirurgia que requer um tempo de repouso e recuperação que impede dirigir carros usados da Nissan ou de qualquer outra marca.

Quando o veículo ficará durante um tempo parado, sem uso, há determinados cuidados que devem ser levados em consideração e que você não pode desconhecer, pois será a única forma de cuidar corretamente do seu carro para que este não sofra as consequências.

1. Ligar o motor uma vez por semana

Se você não puder, peça a alguém da sua confiança que faça isso por você. Essa ação é realmente necessária para poder manter a bateria do carro ativa, permitindo também a circulação do combustível e do óleo. Tudo isso só ajudará para uma boa manutenção do motor.

2. Deixar o veículo sob resguardo

Se não tiver garagem em casa ou uma vaga de garagem no prédio, procure um estacionamento fechado, para que o veículo fique embaixo de um teto, resguardado. Muito sol ou muita chuva podem estragar a carroceria do carro, como também as fezes das pombas ou, segundo a sua região, uma forte tempestade com granizo.

Se não for possível conseguir um lugar fechado, procure uma cobertura especial para o carro ficar protegido. Existem capas especiais para carros que poderão ajudar a protege-lo.

3. Movimente o veículo regularmente por alguns centímetros

Como no item 1, se você não puder, peça ajuda a uma pessoa de confiança. Movimentar o veículo com regularidade permitirá que os pontos de apoio das rodas mudem. Com essa ação, você estará evitando que, por causa da perda da pressão, haja uma possível deformação.

4. Os pneus devem ser enchidos até um 10% acima do recomendado

Se o seu carro for ficar parado durante mais de um mês, os pneus certamente perderão pressão e isso pode causar alguma deformação. É justamente por esse motivo que o aconselhável é aumentar a quantidade de ar para tentar evitar qualquer problema como o mencionado.

Na hora de voltar a dirigir o carro, lembre-se de verificar a pressão dos pneus e se ainda estiverem enchidos por demais, abaixe a pressão para o número que corresponda ao seu veículo.

5. Verifique tudo antes de começar a dirigir o veículo novamente

Faça uma boa verificação de absolutamente tudo: bateria, motor, óleo, filtros, sistema elétrico e eletrônico. Se tiver alguma dúvida ou encontrar algum detalhe que possa comprometer o uso correto do carro e a sua segurança no trânsito, leve o veículo para a oficina, onde deverão fazer uma revisão completa.

6. Encha o tanque antes de voltar a dirigir

Encher o tanque é muito importante para que o combustível se misture àquele que ficou no veículo durante o tempo que esteve parado, porque o combustível costuma degradar quando o carro não anda e isso pode obstruir os condutos dos filtros.

7. Muito cuidado com a bateria!

Vale a pena insistir com os cuidados da bateria: se por qualquer motivo a bateria fica sem carga, será impossível ligar o motor e o importante é não insistir. Nesse caso, peça ajuda ao seu mecânico ou telefone para a oficina. A bateria deverá ser recarregada.

Não se esqueça desse ponto importante: insistir levará a um sério problema com o motor!


Notas

Posto JP Fevereiro de 2021

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário