26 SET 2021 | ATUALIZADO 13:50
POLÍCIA
05/06/2021 13:01
Atualizado
05/06/2021 13:08

Policial do Ceará é morto a tiros perto do Hotel Vitória Palace, em Mossoró

A+   A-  
Assassinos levaram a arma do policial Diego Ramon da Silva Grigório, de 30 anos, que ainda chegou a ser socorrido para o Hospital Regional Tarcísio Maia. O corpo deve ser levado para exames na sede do ITEP e o caso deve ser investigado em inquérito policial conduzido na Divisão de Homicídios de Mossoró.
Imagem 1 -  Assassinos levaram a arma do policial Diego Ramon da Silva Grigório, de 30 anos, que ainda chegou a ser socorrido para o Hospital Regional Tarcísio Maia. O corpo deve ser levado para exames na sede do ITEP e o caso deve ser investigado em inquérito policial conduzido na Divisão de Homicídios de Mossoró.
Assassinos levaram a arma do policial Diego Ramon da Silva Grigório, de 30 anos, que ainda chegou a ser socorrido para o Hospital Regional Tarcísio Maia. O corpo deve ser levado para exames na sede do ITEP e o caso deve ser investigado em inquérito policial conduzido na Divisão de Homicídios de Mossoró.

O policial militar Diego Ramon da Silva Grigório, de 30 anos, do Ceará (CE), foi assassinado a tiros ao lado do Hotel Vitória Palace, perto do Abolição III, região Oeste de Mossoró-RN.

O comando da PM do RN confirmou que Diego estava num Gol, quando teria sido abordado por dois homens numa moto anunciando assalto. Em seguida, ocorreram os tiros.

O policial ainda foi socorrido do local, mas já chegou ao Hospital Regional Tarcísio Maia sem vida. A primeira hipótese é que foi um crime latrocínio, assalto seguido de morte.

A arma da vítima foi levada pelos assassinos. O corpo do policial deve ser levado para exames na sede do Instituto Técnico-científico de Perícia (ITEP), em Mossoró.

O caso deve ser investigado pela Divisão de Homicídio de Mossoró.


Notas

Posto JP - Maio de 2021

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário