12 AGO 2022 | ATUALIZADO 15:37
POLÍCIA
ANNA PAULA BRITO
04/08/2022 12:26
Atualizado
04/08/2022 12:26

Vendedora morre após colisão entre motocicleta e carroça na BR 304, em Mossoró

A+   A-  
O caso aconteceu por volta das 10h desta quinta-feira (4), próximo ao bairro Malvinas. Bruna Monalisa Lopes, de 34 anos, seguia para o trabalho em sua motocicleta, quando uma carroça invadiu a preferência da via, provocando a colisão. O carroceiro foi conduzido até a primeira delegacia de Polícia Civil, onde foi autuado por homicídio culposo. Ele alegou que o animal não atendeu a seu comando e por isso invadiu a pista. Como trata-se de um crime culposo (quando não há a intenção de matar), o delegado Edvan Batista arbitrou uma fiança para que ele possa responder em liberdade.
Imagem 1 -
FOTO: REPRODUÇÃO

Uma vendedora identificada como Bruna Monalisa Lopes, de 34 anos, morreu na manhã desta quinta-feira (4), após uma colisão entre uma motocicleta e uma carroça, na BR 304, em Mossoró, nas proximidades das Malvinas.

Segundo informações da Polícia Civil, a mulher seguia na BR, sentido Centro, quando uma carroça invadiu a preferencial, provocando a colisão.

Ela chegou a ser socorrida em uma ambulância do Samu para o Hospital Regional Tarcísio Maia, mas acabou entrando em óbito dentro da unidade móvel.

O carroceiro Carlos Roberto Rodrigues, de 57 anos, foi conduzido para a primeira delegacia de Polícia Civil, no Alto de São Manoel, onde foi autuado pelo crime de homicídio culposo.

Em seu depoimento, ele alegou que o animal não atendeu a seu comando e por isso invadiu a pista. O homem encontrava-se bastante abalado.

Como trata-se de um crime culposo (quando não há a intenção de matar), o delegado Edvan Batista, que recebeu a ocorrência na delegacia, arbitrou uma fiança para que ele possa responder em liberdade.


Notas

UNP 27 de junho de 2022

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário