28 MAI 2024 | ATUALIZADO 11:35
ESTADO
27/09/2022 14:30
Atualizado
27/09/2022 14:30

Eleições 2022: efetivo de 6,3 mil militares estarão em serviço extra durante as Eleições no RN

A+   A-  
Segundo o comandante da Polícia Militar do RN, coronel Alarico Azevedo, o principal objetivo é garantir a segurança dos 1.496 locais de votação. Os militares em serviço extra receberão diárias operacionais e auxílio alimentação. A execução do plano de segurança das eleições começará na sexta-feira (30). Além das forças estaduais e do bombeiro militares, guardas municipais deverão atuar de forma integrada na segurança do pleito.
Imagem 1 -

O comandante da Polícia Militar do RN, coronel Alarico Azevedo, confirmou nesta terça-feira (27), que cerca de 6,3 mil militares vão atuar nas eleições 2022 em todo estado.

A novidade este ano, é o apoio dos bombeiros militares do estado que participarão pela primeira vez da operação de segurança nas eleições.

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) não solicitou uso de forças federais na segurança do pleito deste ano.

De acordo com o coronel Alarico, os policias militares e bombeiros irão atuar na escolta das urnas para os locais de votação e na segurança desses locais até a noite do domingo (2). A execução do plano de segurança das eleições começará na sexta-feira (30).

 “Esses militares em serviço extra são aqueles que estariam de folga, mas foram convocados para se somar ao efetivo do dia", disse.

Segundo o comandante, o principal objetivo é garantir a segurança dos 1.496 locais de votação. Os militares em serviço extra receberão diárias operacionais e auxílio alimentação.

Além das forças estaduais e do bombeiro militares, guardas municipais deverão atuar de forma integrada na segurança do pleito.

Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário