25 FEV 2024 | ATUALIZADO 11:05
ESPORTE
19/09/2023 06:48
Atualizado
19/09/2023 07:05

Neymar, Messi, Ronaldo: quem tem o maior número de assistências no futebol internacional?

A+   A-  
Neymar precisou de menos jogos do que Donovan para chegar a 58 assistências, com o ala do Al Hilal alcançando a marca histórica em 126 partidas pela Seleção. O jogador de 31 anos, que deu três assistências em um único jogo contra El Salvador em 2018, faz um gol a cada dois jogos pelo Brasil e tem um recorde espetacular de 137 gols/assistências em 126 partidas.
Imagem 1 -  Neymar precisou de menos jogos do que Donovan para chegar a 58 assistências, com o ala do Al Hilal alcançando a marca histórica em 126 partidas pela Seleção. O jogador de 31 anos, que deu três assistências em um único jogo contra El Salvador em 2018, faz um gol a cada dois jogos pelo Brasil e tem um recorde espetacular de 137 gols/assistências em 126 partidas.
Neymar precisou de menos jogos do que Donovan para chegar a 58 assistências, com o ala do Al Hilal alcançando a marca histórica em 126 partidas pela Seleção. O jogador de 31 anos, que deu três assistências em um único jogo contra El Salvador em 2018, faz um gol a cada dois jogos pelo Brasil e tem um recorde espetacular de 137 gols/assistências em 126 partidas.

Os melhores atacantes do mundo não são apenas aqueles que marcam gols cruciais, mas também os que dão assistências vitais quando seus respectivos times mais precisam delas. Vários jogadores dessa categoria vêm à mente, incluindo Cristiano Ronaldo e Lionel Messi. No entanto, a recente pausa internacional foi muito importante para um jogador em particular: Neymar.

O jogador de 31 anos quebrou recordes no mês passado, quando assinou um contrato com o Al Hilal, da ascendente Saudi Pro League, tornando-se o jogador mais caro da história da divisão, com 90 milhões de euros, e também ultrapassou Romelu Lukaku como o jogador com a maior taxa de transferência combinada de todos os tempos (400 milhões de euros).

Neymar continuou a escrever seu nome nos livros de história este mês, quando seus dois gols na vitória de 5 a 1 sobre a Bolívia o fizeram ultrapassar o lendário Pelé como o maior artilheiro de todos os tempos do Brasil, e ele tem outro recorde internacional em vista, já que sua assistência para o gol de Marquinhos no final da partida contra o Peru o fez empatar no topo da tabela de classificação com 58.

Os próximos jogos do Brasil contra a Venezuela e o Uruguai são partidas que devem ser vencidas se você estiver procurando por uma apostas, e Neymar estará ansioso para fazer seu próprio recorde de assistências nesses jogos. Antes disso, porém, vamos dar uma olhada nos 10 maiores autores de gols da história do futebol internacional.

Landon Donovan - 58

Como já foi mencionado, Neymar atualmente divide o primeiro lugar, mas foi o recorde de 58 gols de Landon Donovan que ele igualou recentemente. O meia-atacante aposentado é uma lenda do futebol dos Estados Unidos e é o melhor jogador de todos os tempos do seu país. Seu recorde pela seleção masculina dos Estados Unidos (USMNT) é prova disso, pois ele tem 57 gols e 58 assistências em 157 partidas.

Neymar - 58

Neymar precisou de menos jogos do que Donovan para chegar a 58 assistências, com o ala do Al Hilal alcançando a marca histórica em 126 partidas pela Seleção. O jogador de 31 anos, que deu três assistências em um único jogo contra El Salvador em 2018, faz um gol a cada dois jogos pelo Brasil e tem um recorde espetacular de 137 gols/assistências em 126 partidas.

Lionel Messi - 56

Logo atrás da dupla líder está o bom amigo de Neymar, Lionel Messi. O argentino, que vem incendiando os Estados Unidos desde que se juntou à franquia de David Beckham, o Inter Miami, neste inverno, e tornando-os mais favoráveis para se bet, com 11 gols e cinco assistências para o time da Flórida, tem 56 assistências em 176 jogos pela Albiceleste.

Ferenc Puskas - 53

Uma verdadeira lenda do futebol, o nome de Ferenc Puskas ainda é reconhecido hoje em dia, já que o prêmio de Gol do Ano da FIFA é dado em sua homenagem. O atacante húngaro é considerado um dos maiores artilheiros da elite, pois marcou 84 vezes em 85 partidas pela seleção de seu país, mas acredita-se que ele também tenha dado 53 assistências nesse período.

Sandor Kocsis - 50

Outro membro da famosa equipe húngara que chegou à final da Copa do Mundo de 1954, Sandor Kocsis também foi um artilheiro letal, marcando 75 gols em 68 jogos pelo seu país e ganhando a Chuteira de Ouro na Copa do Mundo de 1954. Estima-se que ele tenha dado assistência para 50 gols em suas 75 partidas.

--

Pelé (47), Kevin De Bruyne (45), Mesut Ozil (40), David Beckham (36) e Cristiano Ronaldo (33) completam o top 10.


Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário