13 ABR 2024 | ATUALIZADO 13:43
EDUCAÇÃO
30/01/2024 18:30
Atualizado
30/01/2024 18:51

Primeiros lugares em Medicina da UFERSA e da UERN são de Mossoró

A+   A-  
Marina Beatriz Almeida Mota, de 19 anos (828,14), vai cursar medicina na UERN e quer se especializar em psiquiatria. Já Igor dos Santos Linhares, de 24 anos (910,2 pontos), espera concluir medicina na UFERSA e fazer residência em Pediatria. Sonho dele é trabalhar com medicina da família. Os dois fizeram cursinho juntos, no Radix.
Imagem 1 -  Marina Beatriz Almeida Mota, de 19 anos (828,14), vai cursar medicina na UERN e quer se especializar em psiquiatria. Já Igor dos Santos Linhares, de 24 anos (910,2 pontos), espera concluir medicina na UFERSA e fazer residência em Pediatria. Sonho dele é trabalhar com medicina da família.  Os dois fizeram cursinho juntos, no Radix.
Marina Beatriz Almeida Mota, de 19 anos (828,14), vai cursar medicina na UERN e quer se especializar em psiquiatria. Já Igor dos Santos Linhares, de 24 anos (910,2 pontos), espera concluir medicina na UFERSA e fazer residência em Pediatria. Sonho dele é trabalhar com medicina da família. Os dois fizeram cursinho juntos, no Radix.

Os primeiros lugares nos cursos de Medicina da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte e da Universidade Federal Rural do Semiárido, são os mossoroenses Marina Beatriz Almeida Mota, de 19 anos (828,14), e Igor dos Santos Linhares, de 24 anos (910,2 pontos). 

Em contato com o MOSSORÓ HOJE, Marina Mota disse que sonha em concluir o curso e se especializar em psiquiatria. Já Igor Linhares falou que seu sonho é, ao concluir curso, se especializar em pediatria e trabalhar com saúde da família.

Para conquistar uma vaga no curso de medicina, no caso em primeiro lugar, Marina contou que foram mais ou menos dois anos de estudos. Ela conta que com a nota do ENEM de 2022, ficou na segunda suplência em Medicina na UERN. O primeiro foi chamado.

“Fiquei um pouco frustrada”, diz Marina Mota.

Mas ela não desistiu. Encontrou apoio dos pais Kéllia Fernandes de Almeida Mota e Luiz Henrique Dantas da Mota (comerciantes), dos amigos e, principalmente, dos professores, que segundo ela, às vezes confiavam mais nela do que ela mesma.

“Hoje é um dia muito feliz. É um dia para me lembrar para sempre”, diz Marina Mota.

A história incrível de Igor Linhares já foi contada no MH. Com a nota que conseguiu no Enem 2023, conseguiu ser classificado entre os dez em Medicina da USP, mas que optou por aguardar o resultado da SISU para Medina na UFERSA, em Mossoró.

Veja mais

Mossoroense é aprovado em medicina na USP e opta por aguardar resultado da UFERSA

“Agora é um ciclo que se encerra e outra que começa. Foram 6 anos de cursinho. Agora o sentimento é imenso de alegria, de colheita, mas, ao mesmo tempo, consciente de que é o início de um novo ciclo, que vai exigir muita atenção, foco, estudos, comprometimento...”, diz Igor Linhares, que confirmou que vai se matricular na UFERSA, preterindo, assim, a USP.

Os exemplos de Marina Mota e Igor Linhares, deixam claro que o caminho para conquistar um sonho é a persistência, o foco, e, principalmente, se cercar de pessoas que lhe quer bem, que lhe ver bem, pessoas certas para lhe incentivar, direcionar no objetivo certo.

Nesta batalha pessoal, “tive e tenho pessoas maravilhosas do meu lado”, diz Igor Linhares. Os dois agradecem aos professores do Curso Radix, pelos ensinamentos, pela força e as orientações quanto as provas do ENEM. Indicam.

O professor Hugo Gomes, do Cursinho Radix, disse que os dois alunos são ótimos. Observou que o aprendizado para conseguir boa pontuação em qualquer prova, seja Enem ou Concurso, se constrói aos poucos. Ele cita que, além do primeiro lugar, os alunos que ficaram em segundo e terceiro lugar em Medicina na UFERSA, são do Radix.


Além do conhecimento, Hugo Gomes aborda também a importância do amadurecimento pessoal do estudante, que vem com leituras, com as boas influências, com o crescimento natural. "A pessoa precisa está com a alma leve no dia da prova", diz Hugo.

Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário