24 JUN 2024 | ATUALIZADO 16:24
POLÍCIA
21/05/2024 18:31
Atualizado
21/05/2024 18:31

Militares do corpo de bombeiros estão auxiliando a população ilhada em Upanema

A+   A-  
A sangria do açude Umari deixou ilhados os moradores ribeirinhos do Rio Upanema, na zona rural do município. O volume da água encobriu a passagem molhada que ligava a comunidade ao centro da cidade, fazendo com que os moradores precisassem de auxílio de embarcações para transportá-los. “Estaremos aqui até o nível da água baixar e todos ficarem em segurança", disse a tenente-coronel Martini, comandante do 3º Grupamento Militar, com sede em Mossoró.
Imagem 1 -  Militares do corpo de bombeiros estão auxiliando a população ilhada em Upanema. A sangria do açude Umari deixou ilhados os moradores ribeirinhos do Rio Upanema, na zona rural do município. O volume da água encobriu a passagem molhada que ligava a comunidade ao centro da cidade, fazendo com que os moradores precisassem de auxílio de embarcações para transportá-los. “Estaremos aqui até o nível da água baixar e todos ficarem em segurança", disse a tenente-coronel Martini, comandante do 3º Grupamento Militar, com sede em Mossoró.
Militares do corpo de bombeiros estão auxiliando a população ilhada em Upanema. A sangria do açude Umari deixou ilhados os moradores ribeirinhos do Rio Upanema, na zona rural do município. O volume da água encobriu a passagem molhada que ligava a comunidade ao centro da cidade, fazendo com que os moradores precisassem de auxílio de embarcações para transportá-los. “Estaremos aqui até o nível da água baixar e todos ficarem em segurança", disse a tenente-coronel Martini, comandante do 3º Grupamento Militar, com sede em Mossoró.

O Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Norte concluiu mais um dia de auxílio no transporte de moradores ribeirinhos do Rio Upanema, zona rural da cidade de Upanema.

Depois da sangria do açude Umari, ocorrida nesta segunda-feira (20), o volume da água encobriu a passagem molhada que ligava a comunidade ao centro da cidade, fazendo com que os moradores precisassem de auxílio de embarcações para transportá-los.

Com isso, o prefeito Renan Fernandes solicitou o apoio do Corpo de Bombeiros de Mossoró, sendo prontamente atendido pela comandante, tenente-coronel Martini.

Os militares, juntamente com a defesa civil, estão ajudando os moradores a fazeres a travessia do rio com segurança.

"Desde a segunda-feira (20) estamos com equipes de guarda-vidas e embarcações, juntamente com a Defesa Civil municipal auxiliando as pessoas. Estaremos aqui até o nível da água baixar e todos ficarem em segurança", disse a tenente-coronel Martini.


Notas

Relativa

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário