22 MAI 2022 | ATUALIZADO 08:21
SAÚDE
William Robson
14/11/2017 13:29
Atualizado
14/12/2018 06:37

Uma rua em Barcelona para quem gosta de luxo, futilidade e tem dinheiro sobrando

A+   A-  
Estava caminhando pela via e dei uma olhada nas vitrines, só para matar a minha curiosidade do que o ser humano é capaz de pagar quando dinheiro não é problema
Imagem 1 -  Uma rua em Barcelona para quem gosta de luxo, futilidade e tem dinheiro sobrando
Paaseig de Gràcia é com certeza a rua  que reúne mais lojas de artigos de luxo de Barcelona. É uma via importante, próxima à Praça Catalunha e com muito movimento de turistas. As principais marcas estão lado a lado, ocupando os belíssimos prédios históricos do lugar, como a La Pedreira (ou Casa Battló, desenhada pelo mestre arquiteto Gaudí) e o Palau Robert, sempre com grandes exposições. 

Estava caminhando pela via e dei uma olhada nas vitrines, só para matar a minha curiosidade do que o ser humano é capaz de pagar quando dinheiro não é problema ou qjuando a futilidade se torna desejo imprescindível. Relógios Rolex de 34 mil euros (vi uns mais baratinhos também, de 26 mil!), casaco de quatro mil euros, óculos de mil, coisa para quem pode e tem dinheiro sobrando.

Uma das principais lojas e mais visitadas também  é a da Apple, com um amplo espaço de dois andares, sempre lotados, por dentro e por fora (as pessoas aproveitam o sinal grátis de internet e se espalham pela calçada da loja), mas é possível encontrar Bvulgari, Michael Kors, Dolce e Gabanna (foto), todas com muito luxo e com seguranças do tamanho de guarda-roupas vigiando a entrada.

Ouvi dizer que a loja preferida dos endinheirados de Barceloina não é nenhuma dessas que citei aqui. É uma tal de Santa Eulália (foto acima), que a gente aproveitou para ver (por fora) como é. É muito tradiicional, atuiando na cidade desde o século 19. 

Isso não quer dizer que a Passseig de Gràcia só serve para passear se tiver muito dinheiro. Há lojas também para públicos como eu, pobre mortal. Grandes lojas de departamentos podem ser facilmente encontrados pelo caminho, ou se andar mais um poquinho, próximo à Praça Catalunha é possível encontrar muita coisa legal e barata no El Corte Inglês, na Zara e na H&M. Sem falar nos camelòs espalhados pela praça, e seus genéricos para quem não pode e não quer pagar tanto pelo chamaado “original”.  

Nas proximidades da Passeig de Gràcia também fica a belíssima livraria Altair, numa via que cruza a via. Mas, isso é tema para outra postagem. 
Imagem 1 -  Uma rua em Barcelona para quem gosta de luxo, futilidade e tem dinheiro sobrando

Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário