26 MAR 2019 | ATUALIZADO 11:58
POLÍCIA

Andarilho morto a tiros no Belo Horizonte é um fugitivo de Justiça da Paraíba

A identificação foi feita pelo fotojornalista Marcelino Neto, que atua a serviço do ITEP, em Mossoró. A família da vítima já veio a Mossoró e reconheceu o corpo e levou para sepultamento.
Da redação
11/07/2018 20:30
Atualizado
14/12/2018 06:32
A+   A-  
Andarilho morto a tiros no Belo Horizonte é um fugitivo de Justiça da Paraíba
O Instituto Técnico-científico de Perícia (ITEP), de Mossoró, conseguiu identificar, através do fotojornalista Marcelino Neto, o andarilho que foi assassinado a tiros na noite dia 25 de junho na Rua João Damásio, no bairro Belo Horizonte, na zona sul de Mossoró-RN.

O andarilho é Edilson Oliveira de Sousa, conhecido por Edilson Tatuagem, de 58 anos, da cidade de Pombal, no Estado da Paraíba, onde é procurado pela Justiça por crimes de assalto a mão armada. Estava em Mossoró para escapar da justiça paraibana.

A família de Edilson Tatuagem já compareceu ao ITEP, em Mossoró, fez o reconhecimento do corpo e o levou para velório e sepultamento.

Notas

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário