23 JAN 2022 | ATUALIZADO 23:18
ESTADO
DA REDAÇÃO
20/02/2019 09:20
Atualizado
20/02/2019 09:22

Cosern orienta sobre o uso de energia elétrica em barracas durante o carnaval

A+   A-  
Responsáveis por festas e comerciantes precisam ficar atentos aos prazos para solicitar ligações provisórias em qualquer Agência de Atendimento da Cosern. A empresa pede que as orientações para a instalação do padrão de entrada de energia elétrica sejam seguidas, para evitar acidentes e garantir a segurança da festa.
Imagem 1 -  A concessionária está promovendo ações de combate a ligações clandestinas de energia como forma de prevenir acidentes com comerciantes e foliões.
A concessionária está promovendo ações de combate a ligações clandestinas de energia como forma de prevenir acidentes com comerciantes e foliões.
FOTOS: CANINDÉ SOARES

Com a aproximação do carnaval a Cosern reforçou as orientações de segurança para quem vai fazer uso de energia elétrica em barracas por meio de ligações provisórias.

A concessionária está promovendo ações de combate a ligações clandestinas de energia, dentro da Operação Varredura, como forma de prevenir acidentes com comerciantes e foliões.

Responsáveis por festas e comerciantes precisam ficar atentos aos prazos para solicitar ligações provisórias em qualquer Agência de Atendimento da Cosern.

É importante respeitar o prazo especificado pela empresa, de até três dias úteis, antes de começar a utilizar a energia, sob o risco de não ter o serviço atendido a tempo.

A Cosern ressalta que não é possível fazer ligações provisórias de cargas móveis, tais como carroças, vans e caminhões.

A empresa lembra que atitudes simples como não pegar em tomadas e interruptores estando molhado ou descalço, evitar sobrecargas na rede com o uso de tomadas “T” e evitar a utilização de fios com emendas, podem ajudar a prevenir acidentes em meio à folia.

A Cosern alerta que a ligação provisória fornecida pela concessionária é individual e não pode ser compartilhada com outra barraca. Esse tipo de ligação clandestina implica em riscos de segurança e é crime.

Por fim, a empresa pede que os barraqueiros sigam as orientações para a instalação do padrão de entrada de energia elétrica que atenda as especificações técnicas exigidas, com aterramento instalado adequadamente para evitar acidentes e garantir a segurança da festa.


Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário