18 NOV 2019 | ATUALIZADO 12:16
POLÍTICA

Jair Bolsonaro confirma pelo Twitter que vai vender os Correios

"Serviços melhores e mais baratos só podem existir com menos Estado e mais concorrência, via iniciativa privada. Entre as estatais, a privatização dos Correios ganha força em nosso Governo", postou Bolsonaro
DA REDAÇÃO
07/06/2019 18:17
Atualizado
07/06/2019 18:17
A+   A-  
Imagem 1 -  O presidente Jair Bolsonaro confirmou na tarde desta sexta-feira 6 a venda dos Correios. O anúncio foi feito pelo Twitter, com um discurso ideológico contra o Estado e atrelando "serviços melhores" à privatização
O presidente Jair Bolsonaro confirmou na tarde desta sexta-feira 6 a venda dos Correios. O anúncio foi feito pelo Twitter, com um discurso ideológico contra o Estado e atrelando "serviços melhores" à privatização
Cézar Alves

O presidente Jair Bolsonaro confirmou na tarde desta sexta-feira 6 a venda dos Correios. O anúncio foi feito pelo Twitter, com um discurso ideológico contra o Estado e atrelando "serviços melhores" à privatização.

"Serviços melhores e mais baratos só podem existir com menos Estado e mais concorrência, via iniciativa privada. Entre as estatais, a privatização dos Correios ganha força em nosso Governo", postou Bolsonaro.

O anúncio foi feito um dia depois de o Supremo Tribunal Federal (STF) ter autorizado a venda sem autorização do Congresso e processo de licitação de subsidiárias de estatais. O julgamento se referia à TAG, subsidiária da Petrobrás.


Notas

Compra Notebook

Publicidades

Eleições 2020 MOSSORÓ

Outras Notícias

Deixe seu comentário