15 SET 2019 | ATUALIZADO 10:41
VARIEDADES

Poesia performática às 19h desta quinta, no auditório da Estação das Artes

Esta será a quarta etapa do Slam Mossoró 2019, uma competição de poesia e performances autorais, de iniciativa independente.
25/07/2019 15:24
Atualizado
25/07/2019 16:44
A+   A-  
Imagem 1 -  O Slam é uma competição de poesia e performance autorais, de iniciativa independente. A quarta edição da competição acontecerá nesta quinta-feira (25),  às 19h, no auditório da Estação das Artes.
O Slam é uma competição de poesia e performance autorais, de iniciativa independente. A quarta edição da competição acontecerá nesta quinta-feira (25), às 19h, no auditório da Estação das Artes.

A poesia performática dos artistas de Mossoró é a atração que vai movimentar o auditório da Estação das Artes na próxima quinta-feira (25), às 19h, quando será realizada a quarta etapa do Slam Mossoró 2019.

O Slam é uma competição de poesia e performance autorais, de iniciativa independente.

O Slam surgiu em Mossoró em dezembro de 2017, em que a primeira edição foi criada por Carlos Guerra Júnior, que representou a cidade Mossoró na Europa, em eventos como a final do Portugal Slam e na cimeira cultural europeia “The Art Of Organizing Hope”, em 2018, na Bélgica.

A partir da iniciativa, os jovens poetas criaram um modelo de autogestão, para promoção da poesia. Mensalmente acontece uma etapa no auditório da Estação das Artes, mas os jovens, em sua maioria da periferia, são recorrentemente convidados para eventos em escolas, universidades, programas de televisão e jornais.

O campeão do Slam Mossoró 2018, Lucas Rafael, inclusive foi destaque no programa da TV Cultura Manos e Minas na TV Cultura, no último sábado (20). Ele é chamado pelos demais artistas do Slam Mossoró como “Professor”, por ser estudante do curso de letras e uma das suas poesias falar sobre o fato de um pobre se tornar professor.

“Não imaginava que em tão pouco tempo começasse a se tornar referência. Um dos dias que mais marcou nessa trajetória foi ver um aluno do Colégio Dom Bosco recitando essa minha poesia que fala que um menino da periferia vai se tornar referência, por meio da educação”, declarou Lucas Rafael.

Os trechos da poesia dizem:

- Aê menor, tá me ouvindo? Então ouça os conselhos dos teus pais, estude, pois a cada desistência você vai ter que correr 10x mais/ Menor entenda, nesse tabuleiro da vida, somos direcionados a uma inaceitável condição, enquanto filho de rico estuda para tornar-se rei/patrão, pobre continua predestinado a ser peão/ Peão, dessa maldita trajetória social, onde nascemos, crescemos, morremos e tudo continua como se fosse normal.

(...)

(Eu) Almejo entrar na faculdade e só sair de lá doutor, depois vou olhar pros playboy do Marista e falar: “Aí seus vacilão, o pobre véi lascado que vocês subestimou, hoje é formado em letras e atende por professor!"/ E quando eu receber o meu diploma e ouvir: “Pronto meu filho, você tá pronto pra lecionar”, com muito orgulho eu entrarei na sala e direi: “Bom dia turma! Meu nome é Lucas e tô aqui pra lhes ensinar!”.

O Slam visa estimular a escrita criativa e a cultura regional em diversos aspectos. Esse evento inclusive está ligado. O evento está ligado a uma rede nacional e internacional de slammers. O campeão do Slam Mossoró vai disputar a final estadual em outubro em Mossoró. O campeão do Rio Grande do Norte disputa a final nacional, que vale uma vaga na França.

A entrada para o evento é gratuita, assim como qualquer pessoa pode participar. São necessárias apenas três poesias autorais de até três minutos. Cinco avaliadores são responsáveis pelas notas e cortam-se a maior e a menor nota, realizando três fases eliminatórias, até selecionar o campeão da edição.


Notas

News Center

Publicidades

MOSSORÓ Vanderlanio

Outras Notícias

Deixe seu comentário