09 AGO 2020 | ATUALIZADO 12:50
ESPORTE
13/05/2020 18:31
Atualizado
13/05/2020 18:50

De lendas à campeões do mundo, relembre esportistas de sucesso do Rio Grande do Norte

A+   A-  
O Rio Grande do Norte pode até não ser o principal estado do Brasil no que diz respeito a esporte, mas é a terra natal de muitos nomes que fizeram (e ainda fazem) história em diversas modalidades, como basquete, vôlei, futebol, surf e até poker.
Imagem 1 -  Listamos abaixo alguns dos principais potiguares na história do esporte brasileiro, com direito  a campeões do mundo, medalhistas olímpicos e pan-americanos.
Listamos abaixo alguns dos principais potiguares na história do esporte brasileiro, com direito a campeões do mundo, medalhistas olímpicos e pan-americanos.

O Rio Grande do Norte pode até não ser o principal estado do Brasil no que diz respeito a  esporte, mas é a terra natal de muitos nomes que fizeram (e ainda fazem) história em diversas  modalidades, como basquete, vôlei, futebol, surf e até poker.  

Listamos abaixo alguns dos principais potiguares na história do esporte brasileiro, com direito  a campeões do mundo, medalhistas olímpicos e pan-americanos.

Confira! 

Oscar Schmidt


Considerado o melhor jogador da história do basquete brasileiro, Oscar Schmidt é uma das  lendas vivas do esporte nacional. Com a seleção, o jogador nascido em Natal tem como  principal conquista o ouro pan-americano nos Jogos de Indianapolis (EUA), em 1987, batendo  a “imbatível” seleção norte-americana.

O “Mão Santa” também tem três títulos do  Campeonato Sul-Americano e um bronze no mundial. Além de clubes como Flamengo, Sírio e  Corinthians, atuou muito tempo na Itália e Espanha. É o maior cestinha da história do  basquete mundial, superando Kareem Abdul-Jabbar, o recordista da NBA em pontos.


Italo Ferreira


Das quadras para o mar, de Natal para Baía Formosa. É de lá que vem o surfista Ítalo Ferreira,  que disputa o Mundial de Surfe desde 2015. No ano passado, ele atingiu a glória máxima no  esporte ao conquistar o título mundial, igualando os feitos de Gabriel Medina e Adriano de  Souza, o Mineirinho. Também têm no currículo dois títulos do Campeonato de Juniors, além de  conquista nacionais que o já colocam como um dos maiores nomes da história do surf  brasileiro aos 26 anos de idade.


Marinho Chagas


O futebol potiguar também revela grandes nomes. Um dos maiores foi Marinho Chagas, que  nasceu em Natal. O lateral esquerdo fez sua história em clubes como São Paulo, Botafogo,  Fluminense e Fortaleza. No Brasileirão, foi três vezes eleito o melhor da posição no prêmio  Bola de Prata, da Revista Placar (1972, 1973 e 1981). Disputou também a Copa do Mundo de  1974 na Alemanha, sendo titular em todos os jogos da campanha do quarto lugar. Infelizmente  faleceu em 2014, mas recebeu uma linda homenagem: ele dá nome à Arena das Dunas,  principal estádio de Natal.


Richarlyson


Outro nome de destaque do futebol é o volante Richarlyson, que também nasceu na capital  potiguar. O jogador passou por diversos clubes do futebol brasileiro, mas se destacou mesmo  pelo São Paulo, sendo um dos poucos jogadores que participaram tanto do Mundial de Clubes  de 2005 quanto do tricampeonato nacional (2006, 2007 e 2008). Também conquistou a  Libertadores de 2013 pelo Atlético Mineiro. Em 2008, chegou a vestir a camisa da seleção  brasileira.


Virna


Nascida em Natal, Virna foi uma das grandes atletas da seleção brasileira de vôlei nas décadas  de 90 e 2000. Ela conquistou o bronze olímpico tanto em Atlanta (1996) quanto em Sydney  (2000), além do ouro pan-americano em Winnipeg (1999). Além disso, foram quatro títulos do  Grand Prix de Vôlei, duas pratas na Copa do Mundo e uma prata no Campeonato Mundial. A  atacante também foi campeã da Superliga Feminina com o Flamengo em 2000/2001.


Carol Ventura


No poker online, o estado também revela bons nomes, caso de Carol Ventura. A jogadora  profissional potiguar já faturou cerca de US$ 300 mil (pouco mais de R$ 1,6 milhão) em  torneios, sobretudo no Texas Hold’em, principal modalidade do esporte da mente. Também  foi duas vezes campeã do evento Ladies (exclusivo para mulheres) do Brazilian Series of Poker,  em 2014. Atua há mais de dez anos no circuito online e ao vivo.


Clodoaldo Silva


Conhecido como “Tubarão Paralímpico”, o nadador de Natal é um dos atletas mais bem  sucedidos da história do esporte brasileiro. O ponto alta de sua carreira foi a participação nos  Jogos Paralímpicos de Atenas em 2004, quando faturou seis medalhas de ouro e uma de prata.  No Pan do Rio de Janeiro em 2007 foram oito medalhas, sendo sete de ouro. Além disso, ficou  marcado na história por acender a pira olímpica nos Jogos Olímpicos do Rio em 2016.


Patrício “Pitbull” Freire


Representante de Mossoró na lista, o lutador de MMA tem uma carreira de enorme sucesso  no esporte. Apesar de nunca ter lutado no UFC, Pitbull é um dos maiores nomes da história do  Bellator, principal concorrente do Ultimate. Ele é o atual detentor do cinturão do peso pena e  também do peso leve, sendo o primeiro e único brasileiro a conseguir o feito. Ostenta um  impressionante cartel de 30 vitórias em 34 lutas.


Renan Barão


Outro representante potiguar no mundo das lutas, Renan Barão tem como ponto alto da  carreira o título da categoria peso galo do UFC, conquistado em 2012. Por muito tempo, foi  considerado um dos principais lutadores peso-por-peso do Ultimate, rivalizando como nomes  como José Aldo, Anderson Silva e Jon Jones à época. Deixou o evento em 2019, após uma sequência negativa de cinco derrotas.


Vicente Lenilson de Lima


Fechando a lista, um representante do atletismo. Natural de Currais Novos, no interior do  estado, Vicente Lenilson de Lima integra o seleto hall de medalhistas olímpicos brasileiros,  tendo conquistado prata no revezamento 4x100 nos Jogos de Sydney em 2000. No Pan 2007  subiu ao lugar mais alto do pódio na mesma prova. Se aposentou do esporte profissional no  ano de 2011.

Notas

AME

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário