07 JUN 2020 | ATUALIZADO 16:10
POLÍCIA
22/05/2020 22:11
Atualizado
22/05/2020 22:15

Um elogio aos policiais que prenderam os assassinos de Aribanaldo

A+   A-  
Familiares de Aribanaldo Soares, morto a tiros em frente de casa por assaltantes no dia 14 passado, emitiram nota de agradecimento e elogiando a atuação dos policiais que prenderam o suspeito e elucidaram o caso
Imagem 1 -  Aribanaldo Soares foi morto na porta de casa por dois assaltantes no dia 14 deste mês e a policia elucidou o caso e prendeu um dos criminosos, que confessou e entregou o comparsa
Aribanaldo Soares foi morto na porta de casa por dois assaltantes no dia 14 deste mês e a policia elucidou o caso e prendeu um dos criminosos, que confessou e entregou o comparsa

A família do técnico da OI Aribanaldo Soares da Silva, que foi morto por assaltantes no dia 14 passado, agradece a policia pela prisão do suspeito, ocorrida neste dia 21 na região da Favela do Pirrichil, no Grande Alto São Manoel.

Veja mais

Policia prende suspeito de matar técnico da OI, em Mossoró

A família também agradece a OAB, a imprensa e a população em geral que contribuiu passando informações sobre o caso para os policiais.

O criminoso, Breno Oliveira, de 18 anos, confessou o crime e entregou o comparsa. Ele estava com munições de revólver calibre 38 e foi autuado. Ele deve ter a prisão preventiva decretada para aguardar julgamento preso. Pode pegar até 30 aos de prisão.

Aribanaldo estava em frente de casa, arrumando umas chaves na mala do carro, quando os dois assaltantes se aproximaram e após pegar os pertences da vítima, atiraram no abdômen, matando o técnico na frente da família.

Veja mais

Técnico da Oi foi morto a tiros na porta de casa em Mossoró

Neste dia 22, um dia após o caso se totalmente esclarecido pelos agentes da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos, que tem a frente o delegado Rafael Arraes, os familiares de Aribanaldo Soares divulgaram uma nota. 

Segue-a.

Obrigado pelo apoio da imprensa, OAB, sociedade e o excelente trabalho das polícias

Semana passada utilizei este espaço para pedir a imediata apuração, o apoio da imprensa, da OAB e da sociedade para elucidar o latrocínio do meu irmão Aribanaldo Soares da Silva, que aconteceu no bairro Sumaré, dia 14 de maio. 

Na oportunidade, disse que tinha conhecimento das péssimas condições que são oferecidas para as polícias, e, também, que acreditava que os excelentes profissionais que trabalham com segurança pública, principalmente com investigação, iam elucidar a tragédia que abalou nossa família, toda a cidade de Mossoró e diversas outras do Estado.

Hoje venho agradecer, porque aquele que cobra também tem o dever de agradecer, e faço ressalvando o apoio da imprensa, da sociedade, da OAB, de quem forneceu imagens de câmeras, de quem ligou anonimamente para repassar importantes informações para a polícia, aos amigos de perto e de longe que nos apoiaram, e, sem sombra de dúvidas, enaltecer o excelente trabalho de toda equipe das polícias, notadamente aos que investigaram e elucidaram o latrocínio.

Nada trará nosso irmão de volta. Tudo foi entregue nas mãos de Deus. Que a justiça continue prevalecendo e sendo feita.

Notas

Compra Notebook

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário