03 AGO 2020 | ATUALIZADO 18:30
ESTADO
30/07/2020 16:48
Atualizado
30/07/2020 16:53

Com prazo maior, deputados retiram da pauta a PEC da reforma da previdência do RN

A+   A-  
O Governo Federal prorrogou o prazo de votação da reforma nos estado para 30 de setembro. Com a decisão, os deputados estaduais do RN aprovaram a retirada da matéria da pauta de votação. Anteriormente, o limite se esgotaria nesta sexta-feira, 31 de julho.
Imagem 1 -
FOTO: REPRODUÇÃO/ALRN

Os deputados estaduais do Rio Grande do Norte Duas tiraram a PEC da reforma da Previdência estadual da pauta de votação da Casa, durante votação nesta quinta-feira (30).

A aprovação da retirada da PEC da Previdência estadual foi permitida após oficialização do adiamento do prazo da votação para o dia 30 de setembro.

Anteriormente, o limite se esgotaria nesta sexta-feira, 31 de julho. O novo limite foi oficializado através da portaria nº 18.084, publicada no Diário Oficial da União (DOU).

“Essa prorrogação comprova pontos importantes, como por exemplo, que o Governo do Estado estava correto em relação ao prazo. Se não tivesse essa obrigatoriedade, não existiria essa portaria. Com isso, pretendemos obter novas informações sobre a PEC e para cumprir o prazo da nova portaria, em respeito à marca do Governo para que possamos criar um ambiente para conversar com servidores, sindicatos e entidades envolvidas”, declarou o deputado e líder do governo na Casa, George Soares (PL).

Após amplo debate, a matéria foi aprovada pela unanimidade dos deputados que participaram da sessão por Sistema de Deliberação Remota nesta quinta-feira (30).

“Com essa prorrogação, tenho certeza que esta Casa e nós deputados, vamos ter um pouco de alívio da pressão colocada pela imprensa, mídias sociais, federações do comércio, indústria e demais setores”, disse Tomba Farias (PSDB).


Notas

Convite Missa

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário