28 FEV 2024 | ATUALIZADO 18:28
EDUCAÇÃO
13/10/2023 14:37
Atualizado
13/10/2023 14:52

Festival de Teatro da Uern completa 20 anos; estreia acontece no próximo dia 16 no Teatro Municipal Dix-Huit Rosado

A+   A-  
As 25 escolas públicas de Mossoró e região que irão participar do festival receberão troféus e certificados de participação no evento. Os(as) vencedores(as) vão receber um troféu exclusivo dos 20 anos do Festival criado pela artista plástica mossoroense Katia Fleischmann. O Festival de Teatro da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Festuern) está completando 20 anos em 2023 e acontecerá entre os dias 16 e 20 de outubro, no Teatro Municipal Dix-Huit Rosado, em Mossoró.
Imagem 1 -  As 25 escolas públicas de Mossoró e região que irão participar do festival receberão troféus e certificados de participação no evento. Os(as) vencedores(as) vão receber um troféu exclusivo dos 20 anos do Festival criado pela artista plástica mossoroense Katia Fleischmann. O Festival de Teatro da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Festuern) está completando 20 anos em 2023 e acontecerá entre os dias 16 e 20 de outubro, no Teatro Municipal Dix-Huit Rosado, em Mossoró.
As 25 escolas públicas de Mossoró e região que irão participar do festival receberão troféus e certificados de participação no evento. Os(as) vencedores(as) vão receber um troféu exclusivo dos 20 anos do Festival criado pela artista plástica mossoroense Katia Fleischmann. O Festival de Teatro da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Festuern) está completando 20 anos em 2023 e acontecerá entre os dias 16 e 20 de outubro, no Teatro Municipal Dix-Huit Rosado, em Mossoró.

O Festival de Teatro da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Festuern) está completando 20 anos em 2023. Sua 17ª edição acontecerá entre os dias 16 e 20 de outubro, no Teatro Municipal Dix-Huit Rosado, em Mossoró.

Participam do maior festival de teatro do RN neste ano 25 escolas públicas de Mossoró, São Gonçalo do Amarante, Porto do Mangue, Alto do Rodrigues, Parnamirim, Pendências, Guamaré, São Paulo do Potengi, Porto do Mangue, Caicó e Apodi. Cada escola recebeu um auxílio de R$ 2.000 para apoio na produção do respectivo espetáculo.

A solenidade de abertura será no dia 16 de outubro, às 8h. As escolas se apresentam a partir das 9h30 e seguem até 10h40. Retornam às 13h30 e seguem até 16h15. Nos dias 17, 19 e 20, as apresentações vão de 8h às 10h40 e de 13h30 até 16h15. No dia 18, vai de 8h às 10h40. Confira a programação detalhada AQUI.

Cada grupo inscrito tem em média 20 integrantes, o que resulta em cerca de 500 crianças e jovens demonstrando seus talentos para grandes públicos. Para muitos(as) desses(as) pequenos(as) atores e atrizes, será a primeira vez em um teatro com um palco de tamanho e estrutura consideráveis.

As meninas do grupo Choque Cultural, da Escola Estadual Monsenhor Raimundo Gurgel, de Mossoró, estão ansiosas para apresentar a peça “Torturas do Coração”, uma adaptação da obra de Ariano Suassuna.

“As expectativas para a estreia aumentaram ainda mais depois da pré-estreia. Estamos todos muito ansiosos, querendo logo que chegue para que a gente possa demonstrar com todo o nosso empenho o que a gente vem fazendo, ensaiando e preparando para esse dia. O Festuern é um momento muito legal e muito gratificante. É muito bom fazer teatro e o Festuern abre esse espaço”, comentou a estudante Sabrina Leite.

Para o diretor do grupo, o professor Marcos Santos, o legado proporcionado pelo Festuern já está sendo visto.

“Estamos vendo que vai dar bons frutos, é a dedicação, o empenho, a seriedade que elas estão tendo em fazer parte desse processo, em fazer parte do Festuern. Acho que a importância do Festival é isso de despertar nesses alunos, nesses jovens, não só o fazer teatral, mas também de ter uma visão de responsabilidade maior com o trabalho”, destacou.

O Festuern é um projeto que dá oportunidade aos alunos da escola pública de mostrar suas habilidades artísticas, argumenta Andréa Bezerra dos Santos, gestora da Escola Estadual Moreira Dias, de Mossoró.

“Os nossos alunos que estão envolvidos no processo estão muito empenhados e já faz parte da rotina deles os ensaios. O apoio e empenho dos professores foi fundamental para que esses alunos tenham evoluído do primeiro aos últimos ensaios realizados. Percebemos que ao fazerem o que gostam eles conseguem ser muito bons e isso é importante para o processo de ensino aprendizagem. A arte permite que os alunos aprendam de forma espontânea e se a escola souber explorar da forma adequada podemos colher muitos frutos com essa aprendizagem”, complementou.

Para muitas crianças e jovens é na escola os primeiros contatos com as artes, e com o teatro não é diferente. Muitos atores, atrizes e produtores(as) que integram companhias de teatro em Mossoró, Natal, outras regiões do RN e até fora do país passaram pelo Festival.

“Em cada cidade que você for, você vai ter esse histórico de pessoas que hoje estão na profissão por conta do Festuern, sem falar em dezenas de professores que começaram no Festuern e hoje são professores de escolas. Então, é isso: o Festuern desperta para o teatro, esse despertar se transforma em paixão, essa paixão se transforma em profissão também”, contextualiza Nonato Santos, coordenador artístico do Festival.

Nas últimas semanas, os(as) coordenadores(as) de escolas e grupos teatrais fizeram uma visita técnica no local de apresentação dos espetáculos daqui a alguns dias. Já na semana passada, foi a vez da realização das pré-estreias, dessa vez no Teatro Lauro Monte Filho. Após o Festival, acontece o Seminário de Avaliação.

O titular da Pró-reitoria de Extensão (Proex), o professor Esdras Marchezan disse que as expectativas para a realização desta edição está bastante positiva.

“É, sem dúvidas, o maior festival de teatro escolar do Rio Grande do Norte e um dos principais do país. Um festival que prepara as escolas, prepara os estudantes, que já começam o ano se preparando, em algumas escolas já tem seletivas, festivais internos, e ficam todos esperando o Festuern. Para esse ano, a edição que marca os 20 anos, nós estamos bem felizes de conseguir fazer um festival bonito e com uma melhor estrutura”, comentou.

As escolas receberão troféus e certificados de participação no evento. Serão premiados(as) os(as) escolhidos(as) como melhor ator; atriz; ator coadjuvante; atriz coadjuvante; direção; espetáculo; trilha sonora; figurino; cenário; e maquiagem.

Os(as) vencedores(as) vão receber um troféu exclusivo dos 20 anos do Festival criado pela artista plástica mossoroense Katia Fleischmann.

O Festuern foi criado pelo professor Felipe Caetano (in memoriam), que era pró-reitor de Extensão na gestão do reitor Walter Fonseca.

Imagem antes do texto (Tamanho Ideal: 825x466):

Legenda da Imagem antes do texto:

Festival de Teatro da Uern completa 20 anos; estreia acontece no próximo dia 16 Teatro Municipal Dix-Huit Rosado. As escolas receberão troféus e certificados de participação no evento. Serão premiados(as) os(as) escolhidos(as) como melhor ator; atriz; ator coadjuvante; atriz coadjuvante; direção; espetáculo; trilha sonora; figurino; cenário; e maquiagem. Os(as) vencedores(as) vão receber um troféu exclusivo dos 20 anos do Festival criado pela artista plástica mossoroense Katia Fleischmann. O Festival de Teatro da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Festuern) está completando 20 anos em 2023. Sua 17ª edição acontecerá entre os dias 16 e 20 de outubro, no Teatro Municipal Dix-Huit Rosado, em Mossoró.

Imagem depois do texto (Tamanho Ideal: 825x466):


Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário