22 MAI 2024 | ATUALIZADO 23:42
VARIEDADES
ANNA PAULA BRITO
18/11/2023 14:30
Atualizado
18/11/2023 14:34

Em tempos de amores voláteis, casal celebra 75 anos de união no município de Pau dos Ferros

A+   A-  
Uma vida inteira juntos. Uma união que ultrapassa 7 décadas. Assim é a história do senhor Luiz de Freitas e da senhora Hilda Maria da Costa. O casal, hoje ambos com 94 anos, se conheceu numa troca de olhares em uma festa de casamento de uma parente, se apaixonou e em 18 de novembro de 1948, selou sua união na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, em Pau dos Ferros. Neste sábado, 18 de novembro de 2023, celebram 75 anos de casados, bodas de brilhantes, ao lado seus filhos, netos, noras e bisnetos. Questionada sobre o "segredo "para um casamento durar tanto tempo, a matriarca foi rápida na resposta: "Sou de uma época que quando uma coisa se quebrava, a gente era orientado a consertar, não jogar fora", disse dona Hilda.
Imagem 1 -  Em tempos de amores voláteis, casal celebra 75 anos de união no município de Pau dos Ferros. Uma vida inteira juntos. Uma união que ultrapassa 7 décadas. Assim é a história do senhor Luiz de Freitas e da senhora Hilda Maria da Costa. O casal, hoje ambos com 94 anos, se conheceu numa troca de olhares em uma festa de casamento de uma parente, se apaixonou e em 18 de novembro de 1948, selou sua união na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, em Pau dos Ferros. Neste sábado, 18 de novembro de 2023, celebram 75 anos de casados, bodas de brilhantes, ao lado seus filhos, netos, noras e bisnetos. Questionada sobre o "segredo "para um casamento durar tanto tempo, a matriarca foi rápida na resposta: "Sou de uma época que quando uma coisa se quebrava, a gente era orientado a consertar, não jogar fora", disse dona Hilda.
Em tempos de amores voláteis, casal celebra 75 anos de união no município de Pau dos Ferros. Uma vida inteira juntos. Uma união que ultrapassa 7 décadas. Assim é a história do senhor Luiz de Freitas e da senhora Hilda Maria da Costa. O casal, hoje ambos com 94 anos, se conheceu numa troca de olhares em uma festa de casamento de uma parente, se apaixonou e em 18 de novembro de 1948, selou sua união na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, em Pau dos Ferros. Neste sábado, 18 de novembro de 2023, celebram 75 anos de casados, bodas de brilhantes, ao lado seus filhos, netos, noras e bisnetos. Questionada sobre o "segredo "para um casamento durar tanto tempo, a matriarca foi rápida na resposta: "Sou de uma época que quando uma coisa se quebrava, a gente era orientado a consertar, não jogar fora", disse dona Hilda.
FOTO: CEDIDA/ARQUIVO PESSOAL

Em tempos de amores voláteis e relacionamentos cada vez mais escassos, você imagina passar sua vida inteira ao lado de alguém? Luiz de Freitas e Hilda Maria da Costa, ambos com 94 anos, sabem bem como é compartilhar a vida ao lado do seu grande amor.

O casal se conheceu numa troca de olhares em uma festa de casamento de uma parente, se apaixonou e em 18 de novembro de 1948, selou sua união na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, em Pau dos Ferros.

O casamento aconteceu em uma quinta-feira, por volta das 10h, tendo sido celebrado pelo Reverendo Padre Manuel Caminha.

A união rendeu bons frutos. Luiz e Hilda construíram uma família com 25 filhos (sendo 15 gerados e 10 que já chegaram na fase adulta), 22 netos, 9 bisnetos e mais um bisneto a caminho.

Neste sábado, 18 de novembro de 2023, os dois celebram 75 anos de casados, que serão comemorados pela família com uma missa, às 19h, na mesma igreja onde fizeram seus votos (no ano de 1948), e com uma festa para amigos e familiares, marcada para acontecer neste domingo (19).

Questionada sobre o "segredo "para um casamento durar tanto tempo, a matriarca foi rápida na resposta: "Sou de uma época que quando uma coisa se quebrava, a gente era orientado a consertar, não jogar fora", disse dona Hilda.

Um dos filhos do casal, Ubiratan Maia de Freitas, fez uma homenagem aos pais nas redes sociais e falou da alegria de poder comemorar esse momento.

“Viver este Jubileu das Bodas de Brilhante é sentir uma beleza ímpar, é cantar a vitória das superações, é felicidade indescritível, lisonjeamento, imensurável emoção”, escreveu Ubiratan.

“As palavras valem muito, porém o testemunho do casal é mais edificante, pois passaram para todos nós exemplos de responsabilidade e honestidade, legados que levaremos para sempre como princípios e valores cristãos. Gratidão nos define. Oxalá que as futuras gerações pudessem guardar na memória da família a história dos seus ancestrais”, completou.


Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário