12 AGO 2020 | ATUALIZADO 22:24

MUNDO

  China anuncia que fornecerá 30 milhões de dólares adicionais à OMS. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (23) dias após o presidente do Estado Unidos, Donald Trump, suspender seu financiamento da organização. "Servirá para a prevenção e controle da epidemia de Covid-19 e para apoiar o desenvolvimento dos sistemas de saúde" em países menos ricos, declarou Geng Shuang, porta-voz da diplomacia chinesa.
China anuncia que fornecerá 30 milhões de dólares adicionais à OMS

23/04/2020 17:52

O anúncio foi feito nesta quinta-feira (23) dias após o presidente do Estado Unidos, Donald Trump, suspender seu financiamento da organização. "Servirá para a prevenção e controle da epidemia de Covid-19 e para apoiar o desenvolvimento dos sistemas de saúde" em países menos ricos, declarou Geng Shuang, porta-voz da diplomacia chinesa.

“Você não pode substituir a quarentena por ‘nada’”, explica Michael Ryan

13/04/2020 17:25

O diretor do programa de emergências da OMS ressaltou que para suspensão do isolamento é preciso ter uma estratégia bem estabelecida para contenção da doença, além de “uma comunidade muito profundamente educada, comprometida, engajada e empoderada”. Nesta segunda (13) a OMS reforçou os critérios que países devem analisar antes de suspender a quarentena; confira.

EUA superam Itália e têm maior número de mortes por covid-19 no mundo

13/04/2020 08:36

O país registrou mais de 20 mil óbitos desde o início do surto, segundo contagem da agência de notícias Reuters; o número de pessoas infectadas pelo vírus passa de meio milhão.

  Primeiro-ministro britânico é levado para a UTI. Boris Johnson, de 55 anos, foi diagnosticado com a Covid-19 em 27 de março e seguia quarentena em casa. Neste domingo (5) o primeiro-ministro apresentou piora e precisou ser internado.
Coronavírus: primeiro-ministro britânico é levado para a UTI

06/04/2020 17:20

Boris Johnson, de 55 anos, foi diagnosticado com a Covid-19 em 27 de março e seguia quarentena em casa. Neste domingo (5) o primeiro-ministro apresentou piora e precisou ser internado.

Cientistas correm contra o tempo em busca da cura do coronavírus

06/04/2020 17:00

Um estudo publicado na revista Antiviral Research, da Elsevier, mostra a eficácia de um remédio antiparasita capaz de inibir o crescimento do coronavírus em 48h. Os cientistas alertam, no entanto, que a eficácia do medicamento foi verificada apenas em laboratório e que ele ainda não pode ser usado com segurança em seres humanos infectados com o novo coronavírus, tampouco em casos de automedicação.


Notas

AME

Publicidades