30 MAI 2024 | ATUALIZADO 07:44
ECONOMIA
Da redação
22/07/2017 17:17
Atualizado
13/12/2018 01:16

Brasil: um país administrado por corruptos agindo contra os brasileiros

A+   A-  
Dilma tentou reativar a CPMF para enfrentar a crise que estava começando e foi impedida; Temer aumentou abusivamente os impostos dos combustíveis e ficaram calados
Imagem 1 -  Brasil: um país administrado por corruptos agindo contra os brasileiros
O Governo do PT/Dilma, numa das tentativas de escapar da crise, tentou reativar a CPMF e foi um escândalo. Líderes do PSDB, DEM e até do PMDB criticaram duramente em entrevistas nos horários nobres da TV. Haviam um movimento intenso de gente vestindo camisa amarela e bantendo panela no horário nobre do Jornal Nacional. Disseram que o Brasil não suportava mais um imposto.
 
Aí os deputados corruptos botaram Dilma para fora, mesmo ela não tendo cometido crime algum. Apenas porque ela se recursou a liberar emendas para os deputados corruptos livrarem os corruptos como Eduardo Cunha da cadeia. Ela disse que por ela não ficaria pedra sobre pedra!
 
Ficamos calados.
 
Botaram o corrupto do Michel Temer no poder, jogaram o plano de governo Dilma eleito em 2014 pelos Brasileiros no lixo, e colocaram, no lugar, o plano de gestão da FIESP, que ajudou a derrubar o governo Dilma com muito dinheiro. Se aliaram aos corruptos que Dilma não quis proteger e mataram a CLT, botando a conta do rombo que eles fizeram nas contas públicas nas costas dos trabalhadores brasileiros.
 
Ficamos calados.
 
O impostor do Temer percebeu a facilidade e perdoou 30 bilhões de dólares em dívidas de 3 bancos. Só do Itaú foram R$ 25 bilhões.


 
Ficamos calados de novo.
 
Lascaram também os trabalhadores na reforma da Previdência. Agora além do regime escravista de trabalho, aponsentar com dignidade não mais.
 
Ficamos calados de novo!
 
O presidente Michel Temer foi pego com a mão na massa, recebendo propina, junto com o presidente do PSDB, senador Aécio Neves. Foi filmado tudo pela PF autorizada pelo STF. Daí Temer pegou R$ 15 bilhões dos recursos públicos e distribuiu em emendas para deputados e senadores corruptos igual a ele livra-lo das barras da Justiça. Conseguiu no primeiro plano.
 
Ficamos calados de novo!
 
Aí ele percebeu que estava passando tudo muito fácil e meteu um imposto nos combustíveis com força. Quer R$ 0,40 por cada litro de gasolina vendido no Brasil, por exemplo. Começou ontem. Os postos que estavam vendendo gasolina a R$ 3,7 agora estão vendendo de R$ 4,10. Botou com força para cobrir o rombo que ele mesmo fez quando comprou os deputados corruptos para votar livrando ele da cassação.
 
Ficamos calados de novo.
 
Aqueles indignados de camisas amarelas segurando panelas e os políticos safados que disseram que o povo não suportava mais um novo imposto, certamente estão todos residindo em algum local no Himalaia, pois agora estão todos calados. Reina entre eles o silêncio dos coniventes. O Governo Michel Temer/Fiesp está levando o Brasil de volta a pobreza.
 
Pode esperar outra traquinagem deste impostor.

Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário