25 ABR 2019 | ATUALIZADO 22:38
ESTADO

Prates e Fátima definem convênios com Agência Nacional de Águas

O foco da reunião foi a continuidade dos convênios já realizados, como o Projeto Seridó (projeto básico de sistemas adutores do Seridó), o Progestão (articulação entre os estados e a ANA que poderá gerar um aporte de R$ 6 milhões para o RN), e a atualização do Plano Estadual de Recursos Hídricos
DA REDAÇÃO
07/02/2019 18:53
Atualizado
07/02/2019 18:53
A+   A-  
Prates e Fátima definem convênios com Agência Nacional de Águas
Junto com a Governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, o senador Jean Paul Prates recebeu a delegação da Agência Nacional de Águas (ANA), e gestores hídricos do estado
Divulgação

Junto com a Governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, o senador Jean Paul Prates recebeu a delegação da Agência Nacional de Águas (ANA), e gestores hídricos do estado, para discutir a gestão compartilhada dos recursos hídricos no RN.

O foco da reunião foi a continuidade dos convênios já realizados, como o Projeto Seridó (projeto básico de sistemas adutores do Seridó), o Progestão (articulação entre os estados e a ANA que poderá gerar um aporte de R$ 6 milhões para o RN), e a atualização do Plano Estadual de Recursos Hídricos. O mandato vai trabalhar fortemente em assegurar total apoio no desenvolvimento e aprimoramento da gestão de nossas águas.

Esta preocupação do governo levou a medidas como a do Secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (SEMARH), João Maria Cavalcanti, que assinou a ordem de serviço para o início dos estudos e elaboração do Projeto de recuperação da Barragem de Passagem das Traíras, no município de São José do Seridó. O Documento foi publicado hoje (07) no Diário oficial do Estado (DOE).

“Conforme prometido na visita técnica que fiz, semana passada, a Governadora Fátima Bezerra tomou providências e conseguiu empenhar os R$ 575 mil do tesouro estadual, que serão investidos nessa ação. Recuperar reservatórios é uma prioridade dela nesse início de gestão” frisou João Maria.

Os serviços a serem contratados incluem o levantamento da situação ambiental, estudos hidrológicos, estudos topográficos, levantamento das áreas danificadas, estudos de campo para qualificar a intervenção, entre outros.

Os recursos serão liberados conforme a execução do cronograma físico-financeiro, prevista pra ser concluída no mês de maio. A empresa contratada é a Aqualtool Consultoria, do Ceará.

De acordo com o Secretário, o estudo vai traçar um panorama e mostrar a real situação em que se encontra a barragem. “A principal ação será a sondagem do reservatório. É ela que vai indicar se e onde será necessário que ocorra alguma intervenção” destaca.


Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário