21 SET 2019 | ATUALIZADO 14:25
MOSSORÓ

Prefeitura abre novos pontos de vacinação contra raiva em Mossoró

A vacinação continua a acontecer no CCZ e no Parque da Cidade, pela manhã e à tarde, e na Praça do bairro Vingt Rosado, nas UBS dos bairros Pintos e Abolição 4, além do mercado do bairro Bom Jardim, das 14h às 17h.
ANNA PAULA BRITO
09/09/2019 12:21
Atualizado
09/09/2019 12:23
A+   A-  
Imagem 1 -  Prefeitura abre novos pontos de vacinação contra raiva em Mossoró
Prefeitura abre novos pontos de vacinação contra raiva em Mossoró
FOTO: REPRODUÇÃO

Nesta segunda-feira (9) a Secretaria de Saúde de Mossoró abriu novos pontos de atendimento da Campanha de Vacinação Antirrábica.

De acordo com Adriano Gledson, coordenador geral das endemias, o atendimento continua pela manhã e à tarde, no CCZ (localizado no Centro Administrativo Prefeito Alcides Belo, rua Pedro Alvare Cabral, n° 01, Aeroporto) e em um ponto fixo do Parque Municipal de Mossoró, das 7h30 às 11h e das 14h às 17h.

A partir de hoje, as equipes também estarão atendendo na Praça do bairro Vingt Rosado, nas UBS dos bairros Pintos e Abolição 4, além do mercado do bairro Bom Jardim, das 14h às 17h.

“A vacinação tem tido uma procura muito grande e o dia D será realizado no dia 28 de setembro. Então a gente pede a população que venha até nós ou espere até o dia 28, quando estarão abertas todas as Unidades Básicas de Saúde, das 8h até as 17h, sem fechamento para o almoço”, explicou Adriano Gledson.

O coordenador explicou que os animais de rua também estão sendo atendidos pela campanha, através do trabalho de três equipes volantes circulando em toda Mossoró, para que todos os animais sejam vacinados.

O tutor que não tiver mais o cartão de vacinação do animal pode ir até um dos postos, que as equipes estarão disponibilizando uma segunda via.

A vacinação contra raiva acontece a partir dos 3 meses de vida e, no caso de animais que vão receber a primeira dose, o procedimento deve ser repetido após 30 dias para garantir a imunização.

“Lembramos que a população que a campanha é anual, então todos os anos existe a necessidade do animal receber a vacina”, concluiu Adriano Gledson.


Notas

Unicursos 2019

Publicidades

Unicursos em Mossoró MOSSORÓ

Outras Notícias

Deixe seu comentário