30 OUT 2020 | ATUALIZADO 19:02
NACIONAL
23/09/2020 08:41
Atualizado
23/09/2020 08:45

IML de Cascavel/PR vai determinar a causa da morte do traficante Elias Maluco

A+   A-  
O traficante Elias Pereira da Silva foi encontrado morto na tarde desta terça-feira (22) na Penitenciária Federal de Catanduvas, na região oeste do Paraná; foi preso em setembro de 2002 e, em 2005, foi condenado a 28 anos e seis meses de prisão pela morte do jornalista Tim Lopes.
Imagem 1 -
FOTO: REPRODUÇÃO

O Departamento Penitenciário Nacional (Depen) informou que o Instituto Médico Legal (IML) do município de Cascavel, no Paraná, está trabalhando para determinar a causa da morte do traficante Elias Pereira da Silva, conhecido como Elias Maluco.

Ele foi encontrado morto na tarde desta terça-feira (22) na Penitenciária Federal de Catanduvas, na região oeste do estado, onde cumpria pena por diversos crimes, dentre eles, o assassinato do jornalista Tim Lopes, ocorrido em junho de 2020.

Segundo informações divulgadas pelo próprio Depen, após o corpo ter sido encontrado, a Polícia Federal (PF) foi chamada para fazer perícia no local e o corpo foi removido para a sede o IML para realização do exame de necropsia.

CONDENAÇÕES

O traficante foi preso em setembro de 2002, acusado da morte de Tim Lopes. Em 2005 ele foi condenado a 28 anos e seis meses de prisão pelo crime.

No ano de 2013 Elias Maluco foi sentenciado a mais 10 anos, sete meses e 15 dias de prisão, desta vez pelo crime de lavagem de dinheiro. A mulher e a sogra dele também foram condenadas pelo mesmo crime.

O Depen informou que a família foi comunicada da morte pelo Serviço Social do Presídio Federal de Catanduvas e que o corpo será liberados apenas por um parente de primeiro grau.


Notas

AME

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário