25 JAN 2021 | ATUALIZADO 17:49
SAÚDE
13/01/2021 19:40
Atualizado
14/01/2021 08:29

Obra inaugurada por Rosalba não pode ser aberta ao público, dizem fisioterapeutas

A+   A-  
O Centro Especializado em Reabilitação foi construído em área de mais de 9 mil m² ao custo de mais d R$ 5 milhões. É destinado para reabilitação auditiva, física, intelectual e visual, com o objetivo de garantir o desenvolvimento de habilidades funcionais de pessoas com deficiência. Veja o que falta para o Centro Especializado em Reabilitação funcionar.
Imagem 1 -  O Centro Especializado em Reabilitação foi construído em área de mais de 9 mil m² ao custo de mais d R$ 5 milhões. É destinado para reabilitação auditiva, física, intelectual e visual, com o objetivo de garantir o desenvolvimento de habilidades funcionais de pessoas com deficiência.
O Centro Especializado em Reabilitação foi construído em área de mais de 9 mil m² ao custo de mais d R$ 5 milhões. É destinado para reabilitação auditiva, física, intelectual e visual, com o objetivo de garantir o desenvolvimento de habilidades funcionais de pessoas com deficiência.

Embora inaugurado pela Prefeitura de Mossoró em 23 de dezembro de 2020, o Centro Especializado em Reabilitação (CER) Benômia Maria Rebouças, no bairro Santo Antônio, ainda não oferece atendimento à população.

Vários fatores impedem o funcionamento do CER, inaugurado às pressas ao apagar das luzes do Governo Rosalba Ciarlini. Os problemas foram listados por fisioterapeutas, em reunião na manhã desta quarta-feira (13), na Secretaria Municipal de Saúde.

Até então, o problema era de alimentação de energia elétrica, já resolvido. Mas falta material básico, como gel, para o trabalho dos fisioterapeutas. Os profissionais também encontraram equipamentos velhos. Até curto-circuito foi registrado em um deles.

“Não há profissionais suficientes”, lamenta a secretária municipal de Saúde, Morgana Dantas. “A unidade não condições de atender ainda, porque não dispõe sequer de material de expediente”, concluiu a titular da pasta.

O Centro Especializado em Reabilitação foi construído em área de mais de 9 mil m² ao custo de mais d R$ 5 milhões. É destinado para reabilitação auditiva, física, intelectual e visual, com o objetivo de garantir o desenvolvimento de habilidades funcionais de pessoas com deficiência.

Notas

AME

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário