13 ABR 2021 | ATUALIZADO 12:18
ECONOMIA
30/03/2021 09:00
Atualizado
30/03/2021 09:01

Nascidos em novembro já podem atualizar cadastro no aplicativo Caixa Tem

A+   A-  
Todo o processo de atualização deve ser feito pelo próprio aplicativo. O usuário, não precisa se deslocar até uma agência da Caixa, a fim de evitar aglomerações. Assim como em 2020, o Caixa Tem será utilizado para pagamento do novo ciclo do auxílio emergência, sendo necessário atualizar os dados dos usuários cadastrados. A atualização cadastral será realizada de forma escalonada, seguindo o mês de nascimento dos clientes, até o dia 31
Imagem 1 -
FOTO: REPRODUÇÃO

Os usuários do aplicativo CAIXA Tem nascidos em novembro já podem atualizar seus dados a partir desta quarta-feira (24). A ação tem o objetivo de oferecer mais segurança, vantagens e praticidade aos clientes.

A atualização é necessária, segundo a Caixa, diante do início do pagamento da nova rodada do auxílio emergencial, pelo governo federal.

A atualização é feita totalmente pelo celular, não sendo preciso ir até uma agência do banco. Basta acessar o aplicativo e seguir as orientações.

A atualização cadastral será realizada de forma escalonada, seguindo o mês de nascimento dos clientes. A atualização começou a ser efetivada na terça-feira (16), pelos usuários nascidos em fevereiro, e segue até o dia 31 de março, com os nascidos em dezembro.

Veja o cronograma completo:



COMO ATUALIZAR

Para efetivar a atualização, o usuário deve acessar a aba “Atualize seu cadastro” no aplicativo e enviar os documentos solicitados: foto (selfie) e um documento de identificação (RG ou CNH). O envio é feito totalmente pelo celular, sem necessidade de ir até uma agência.

CAIXA TEM

A CAIXA abriu mais de 105 milhões de Contas Poupança Social Digital em 2020. De forma gratuita, o banco promoveu a inclusão social e financeira de 35 milhões de brasileiros que nunca tiveram contas em banco.

A Conta Poupança Social Digital foi aberta para o pagamento dos benefícios emergenciais que ajudaram a reduzir os impactos da pandemia na economia brasileira.

Desde o dia 22 de outubro de 2020, com a sanção pelo Presidente da República, Jair Bolsonaro, da Lei nº 14.075 / 2020, o uso da Conta Poupança Social foi ampliado para o pagamento de diversos outros benefícios sociais e previdenciários.

Além do Auxílio Emergencial, a Poupança Social Digital também garantiu o pagamento do Saque Emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda (BEm).

Desde dezembro de 2020, os beneficiários do Programa Bolsa Família e do Abono Salarial PIS também estão sendo contemplados com uma Poupança Social Digital e prontos a poder contar com facilidades do CAIXA Tem.

Mais de 120 milhões de pessoas - oito em cada dez adultos no Brasil - foram beneficiados pelos pagamentos realizados pela CAIXA. Já foram 612,4 milhões de pagamentos em um total de R$ 351,8 bilhões.

O CAIXA Tem foi o app mais baixado do Brasil em 2020, com 303,8 milhões de downloads.


Notas

Posto JP Fevereiro de 2021

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário