28 FEV 2024 | ATUALIZADO 18:28
ECONOMIA
01/09/2023 20:29
Atualizado
04/09/2023 12:39

Por que o dólar oscila tanto? Uma breve análise sobre o mercado de câmbio

A+   A-  
O comportamento da moeda americana, o dólar, sempre foi motivo de interesse e preocupação para os brasileiros. Ao longo dos anos, e principalmente durante o recente período de restrições, notou-se uma volatilidade acentuada do dólar em relação ao real, o que gera discussões entre especialistas, empresários e o público em geral. Mas, afinal, por que o dólar oscila tanto frente à moeda brasileira?
Imagem 1 -  O comportamento da moeda americana, o dólar, sempre foi motivo de interesse e preocupação para os brasileiros. Ao longo dos anos, e principalmente durante o recente período de restrições, notou-se uma volatilidade acentuada do dólar em relação ao real, o que gera discussões entre especialistas, empresários e o público em geral. Mas, afinal, por que o dólar oscila tanto frente à moeda brasileira?
O comportamento da moeda americana, o dólar, sempre foi motivo de interesse e preocupação para os brasileiros. Ao longo dos anos, e principalmente durante o recente período de restrições, notou-se uma volatilidade acentuada do dólar em relação ao real, o que gera discussões entre especialistas, empresários e o público em geral. Mas, afinal, por que o dólar oscila tanto frente à moeda brasileira?
FotoPixabey

O comportamento da moeda americana, o dólar, sempre foi motivo de interesse e preocupação para os brasileiros. Ao longo dos anos, e principalmente durante o recente período de restrições, notou-se uma volatilidade acentuada do dólar em relação ao real, o que gera discussões entre especialistas, empresários e o público em geral. Mas, afinal, por que o dólar oscila tanto frente à moeda brasileira?

O mercado de Forex

O mercado de câmbio, também conhecido como Forex (do inglês Foreign Exchange), é o mercado onde pares de moedas são negociados. As transações de Forex, as quais possuem um volume diário superior a 6 trilhões de dólares e estão acessíveis 24 horas por dia, 5 dias por semana, estão disponíveis para todos e podem ser realizadas por meio de diversas plataformas online.

Neste contexto, a primeira moeda do par é denominada moeda base, ao passo que a segunda é chamada de moeda de cotação. O que muita gente não sabe é que, justamente por lidar com a negociação de pares como o EUR/USD (euro e dólar americano) ou USD/BRL (dólar americano e real brasileiro), o mercado de Forex acaba por ter um papel significativo na oscilação das moedas.


Fonte: Pixabay

Os traders e especuladores que operam nesse mercado compram uma moeda na esperança de que ela se valorize em relação à outra moeda. A diferença entre os preços de compra e venda determinam o resultado da negociação, que pode ser menos ou mais positivo.

Fundamentos econômicos

A moeda de um país é, em muitos aspectos, um reflexo de sua economia e, desse modo, fatores como inflação, taxa de juros, balança comercial e dívida pública impactam diretamente o seu valor.

Economias com taxas de inflação mais baixas em comparação a outras experimentam um aumento no valor de sua moeda em relação às moedas de países com inflação mais alta.

Além disso, se um país tem taxas de juro mais altas, proporciona retornos maiores sobre ativos denominados naquela moeda. Assim, há uma maior demanda por essa moeda específica, fortalecendo-a.

No que diz respeito à balança comercial, quando um país exporta mais do que importa, há uma demanda maior por sua moeda, o que consequentemente pode valorizá-la.

Decisões políticas também podem influenciar a confiança dos investidores. Instabilidade política ou incertezas políticas, por exemplo, podem fazer com que investidores retirem seus investimentos, depreciando a moeda local.

Por último, especuladores compram e vendem moedas baseando-se em expectativas futuras, o que pode causar movimentos abruptos na cotação. Esses investidores utilizam o mercado de Forex para realizar suas operações, como vimos anteriormente.

Influência no Dólar x Real

Por ser um mercado com alto volume de negociações, o Forex tem uma influência direta na cotação das moedas. As constantes compras e vendas de moedas podem gerar oscilações significativas. Além disso, muitos operadores utilizam análises técnicas e fundamentalistas para tomar decisões, o que pode ampliar movimentos de alta ou queda.

No caso do real brasileiro, a situação não é diferente. A interação entre os fundamentos econômicos do Brasil, as decisões políticas, os eventos globais e as negociações no Forex criam um cenário complexo que resulta na volatilidade do USD/BRL.


Fote: Pixabay

Conclusão

A oscilação do dólar frente ao real é influenciada por uma série de fatores, tanto internos quanto externos. O mercado de Forex, com sua vasta movimentação diária, exerce um papel crucial nessa dinâmica. Para o cidadão comum, isso pode significar variações nos preços de produtos importados e no poder de compra. Para os investidores, por sua vez, representa tanto desafios quanto oportunidades no cenário financeiro.


Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário