03 MAR 2024 | ATUALIZADO 23:26
POLÍCIA
ANNA PAULA BRITO
01/12/2023 11:58
Atualizado
01/12/2023 12:01

Suspeito de praticar vários assaltos morre em confronto com a PM

O confronto aconteceu por volta das 9h desta sexta-feira (1º), na RN-015, entre Mossoró e Baraúna. Segundo a polícia militar, um homem identificado como Francisco Édson da Silva Rebouças, conhecido como Etinho, estava praticando vários assaltos, em uma moto também roubada, em uma estrada carroçável que liga a Serra Mossoró. Ao tomar conhecimento, os policiais montaram um cerco para capturá-lo. Ao ser encontrado, o suspeito reagiu atirando contra os policiais, que revidaram. Édson foi ferido no confronto e ainda chegou a ser socorrido para o HRTM, mas não resistiu.
Suspeito de praticar vários assaltos morre em confronto com a PM. O confronto aconteceu por volta das 9h desta sexta-feira (1º), na RN-015, entre Mossoró e Baraúna. Segundo a polícia militar, um homem identificado como Francisco Édson da Silva Rebouças, conhecido como Etinho, estava praticando vários assaltos, em uma moto também roubada, em uma estrada carroçável que liga a Serra Mossoró. Ao tomar conhecimento, os policiais montaram um cerco para capturá-lo. Ao ser encontrado, o suspeito reagiu atirando contra os policiais, que revidaram. Édson foi ferido no confronto e ainda chegou a ser socorrido para o HRTM, mas não resistiu.

Um confronto entre a polícia militar e um suspeito de praticar vários assaltos em uma região de acesso à Serra Mossoró, ocorrido na manhã desta sexta-feira (1º), terminou com o suspeito morto.

O caso aconteceu por volta das 9h, na RN-015. Segundo a polícia militar, Francisco Édson da Silva Rebouças, conhecido como Etinho, estava praticando vários assaltos, em uma moto também roubada, contra pessoas que passavam por uma estrada carroçável, de acesso à Serra Mossoró.

Ao tomar conhecimento, policiais da Força Tática, do GTO, da 2° CIPRV e da cidade de Baraúna, montaram um cerco para capturá-lo.

Ao ser encontrado, Édson reagiu atirando contra os policiais, que revidaram. Ele foi ferido no confronto e ainda chegou a ser socorrido para o Hospital Regional Tarcísio Maia, mas não resistiu.

Segundo informações do Subtenente Almeida, comandante do destacamento de Baraúna, o suspeito respondia por vários crimes na cidade e continuava a praticar diversos outros. Além de Baraúna, ele também agia em Mossoró.


Notas

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário