25 JUL 2024 | ATUALIZADO 18:39
POLÍTICA
Da redação
01/03/2015 08:33
Atualizado
13/12/2018 04:11

Frente Ampla de Esquerda contra ?tentativa de retorno à época das trevas?

A+   A-  
Partidos de esquerda se mobilizaram neste sábado, em Mossoró, contra o movimento liderado pelo PSDB, no Brasil.
Imagem 1 -  Frente Ampla de Esquerda contra ?tentativa de retorno à época das trevas?
Carol Ribeiro

A ação vem sendo organizada em outros municípios do país. Em Mossoró a primeira plenária de mobilização aconteceu neste sábado (28).

A Frente Ampla de Esquerda, que é formada pelo PT, PCdoB, Movimento dos Sem Terra (MST), Sindicatos e Organizações não-governamentais, discute o momento político atual no Brasil.

O evento contou com a presença do Deputado Estadual Fernando Mineiro, filiados e membros destes partidos e organizações.

O movimento pretende mobilizar a sociedade e formar uma frente contra o avanço de pautas de direita, no Congresso Nacional e nas ruas.

A pauta nacional é a defesa da Petrobras e da democracia. Entretanto, os municípios também acrescentam itens de acordo com suas realidades.

A coordenadora do evento, Herbênia Ferreira, explica que a reforma política e a reforma de base são dois pontos incluídos em Mossoró.

De acordo com ela o Brasil está modificado para melhor, mas é necessária a mobilização da sociedade para que o governo compreenda os interesses da população e o país continue crescendo.

"Estamos reunidos para fortalecer e dar sustentação ao governo e contra qualquer tentativa de retorno à época das trevas", afirma Herbênia Ferreira se referindo à ditadura militar.

O presidente do PT em Mossoró, Gilberto Diógenes, diz que o movimento concorda com à caça aos corruptos para que os avanços sociais permaneçam no país. "Não queremos corruptos nem corruptores no governo", complementa.

Já o presidente do PCdoB em Mossoró, Gutemberg Dias, defende a união no movimento. Em sua fala durante a plenária, ele afirma que as alianças duradouras deverão combater pelo menos uma parte do "discurso neo-liberal" que existe. 

Veja mais sobre política na coluna POLÍTICA HOJE.

Notas

Relativa

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário