17 ABR 2024 | ATUALIZADO 18:23
Retratos do Oeste
27/02/2015 19:17
Atualizado
13/12/2018 00:27

Multirão para cirurgias ortopédicas no RN

A+   A-  
Governador Robinson Faria pediu apoio ao Governo Federal para reduzir fila de pessoas no RN que aguardam por cirurgias ortopédicas
Imagem 1 -  Multirão para cirurgias ortopédicas no RN

A visita do governador Robinson Faria, e do prefeito de Mossoro e presidente da FEMURN Francisco José Junior, ambos do PSD, à Brasília acabou sexta-feira (27), mas ainda rende.

Entre as solicitações ao Governo Federal, os gestores, na compahiada deputada federal Fátima Bezerra, do PT, e do deputado federal Fábio Faria, do PSD, requereram do Ministério da Saúde apoio para realizar um multirão de cirurgias ortopédicase no RN.

Querem reduzir ou acabar com a fila de mais de 500 pessoas à espera do procedimento na capital do Estado.

De acordo com informações repassadas pelo Governo, o Ministério não deu uma resposta conclusiva. Aguardemos então que se realizado, seja o primeiro passo para regularizar o atendimento também no restante RN.

A situação é sofrida: em Mossoró a fila de espera para cirurgias ortopédicas tem 400 pessoas. Já as demais cirurgias possuem cerca de 1.100 pacientes na fila de espera.

Em todo o Rio Grande do Norte, este número é expressivo.

R$ 700 mil para UPA

Neste 28 de fevereiro a UPA do BH completa um ano de funcionamento. Apesar da garantia do prefeito Francisco José Junior, quando estava em pré-campanha suplementar, a unidade não foi habilitada pelo Governo Federal. São necessárias adequações que até o momento não aconteceram. A prefeitura tenta negociar com o Ministério da Saúde. Enquanto isso, custeia sozinha a Unidade, com cerca de R$ 700 mil por mês.

Kassab

Já está marcado para o próximo dia 20 de março o encontro de prefeitos e vereadores dos municípios do RN, em Natal, com a presença do Ministro das Cidades, Gilberto Kassab.

Voar em Mossoró

Vamos aguardar, mais uma vez, que a promessa de volta de vôos comerciais no município seja cumprida.

Prorrogação pro Abolição


Por falar em aniversário, amanhã expira o primeiro prazo dado pelo DER e Secretaria de Infra-estrutura para a conclusão de uma das etapas das obras do Complexo da Abolição. Mas a obra só recomeçou esta semana.

Renan contra as passagens

Saiu na Agência Senado: Renan Calheiros negou que as passagens aéreas para cônjuges serão concedidas pelo Senado: "Vamos prosseguir neste rumo de cortar desperdícios, eliminar privilégios e abolir redundâncias”, disse Renan. Esta semana a Câmara Federal aprovou um pacote de medidas com impacto de R$ 146,5  milhões, incluindo passagens para cônjuges de deputados. 

À propósito

Por onde anda Marina Silva?

27.02.2015

 

Multirão para cirurgias ortopédicas no RN

 

A visita do governador Roobinson Faria a Brasília acabou ontem, mas ainda rende. Entre as muita solicitações ao Governo Federal, o gestor requereu do Ministério da Saúde apoio para realizar um multirão de cirurgias ortopédicas e reduzir ou acabar com a fila de mais de 500 pessoas à espera do procedimento na capital do Estado.

 

De acordo com informações repassadas pelo Governo, o Ministério não deu uma resposta conclusiva. Aguardemos então que se realizado, seja o primeiro passo para regularizar o atendimento também no restante RN.

 

A situação é sofrida: em Mossoró a fila de espera para cirurgias ortopédicas tem 400 pessoas. Já as demais cirurgias possuem 1.100 pacientes na fila de espera.

 

Kassab

 

Já está marcado para o próximo dia 20 de março o encontro de prefeitos e vereadores dos municípios do RN, em Natal, com a presença do Ministro das Cidades, Gilberto Kassab.

 

R$ 700 mil para UPA

 

Neste 28 de fevereiro a UPA do BH completa um ano de funcionamento. Apesar da garantia do prefeito Francisco José Junior quando estava em pré-campanha das Eleições Suplementares, a unidade nunca foi habilitada pelo Governo Federal. São necessárias adequações que nunca aconteceram. Enquanto isso a prefeitura custeia sozinha a Unidade, com cerca de R$ 700 mil por mês.

 

Voar em Mossoró

 

Vamos aguardar, mais uma vez, que a promessa de volta de vôos comerciais no município seja cumprida.

 

Prorrogação pro Abolição

 

Por falar em aniversário, amanhã expira o primeiro prazo dado pelo DER e Secretaria de Infra-estrutura para a conclusão de uma das etapas das obras do Complexo da Abolição. Mas a obra só recomeçou esta semana.

 

Renan contra as apassagens

 

Saiu na Agência Senado: Renan Calheiros negou que as passagens aéreas para cônjuges serão concedidas pelo Senado: "Vamos prosseguir neste rumo de cortar desperdícios, eliminar privilégios e abolir redundâncias”, disse Renan. Esta semana a Câmara Federal aprovou um pacote de medidas com impacto de R$ 146,5  milhões, incluindo passagens para cônjuges de deputados. 

 

À propósito

 

Por onde anda Marina Silva?

Notas

Tekton

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário