23 JAN 2020 | ATUALIZADO 23:37

MUNDO

  Federica Mogherini durante uma coletiva de imprensa em Bruxelas no dia 21 de janeiro de 2019
UE não reconhece Guaidó e cria grupo para discutir crise na Venezuela

31/01/2019 18:10

Em coletiva depois da reunião dos ministros das Relações Exteriores europeus, ela anunciou também que o Grupo de Contato Internacional, como foi chamado, será composto por países europeus, latino-americanos e pela UE

  Padrino Lópes afirmou que a oposição é comandada pela extrema direita, que procura dividir a Venezuela a partir de um "vulgar golpe de Estado"
Cúpula faz pronunciamento de apoio a Maduro e acusa Guaidó de golpe

24/01/2019 15:20

O ministro da Defesa da Venezuela, general Vladimir Padriño López, afirmou nesta quinta-feira que a autoproclamação do líder opositor Juan Guaidó como presidente interino é uma tentativa de "golpe de Estado".

  Os presidentes do Brasil, Jair Bolsonaro, e dos Estados Unidos, Donald Trump, reconheceram nesta quarta-feira (23) a tentativa de golpe do líder da oposição na Venezuela, Juan Guaidó, como presidente interino do país
Bolsonaro e Trump ampliam a pressão para tomar poder na Venezuela

23/01/2019 18:23

Segundo a agência de notícias Reuters, em comunicado, Trump disse que usará "todo o peso do poder diplomático e econômico dos Estados Unidos para pressionar pelo restabelecimento da democracia venezuelana"

  Testemunhos citados pela imprensa local disseram que um homem chegou ao portão central da escola e acelerou o veículo
Carro-bomba explode em escola da polícia na capital da Colômbia

17/01/2019 15:21

Pelo Twitter, o presidente da Colômbia, Iván Duque, que estava em viagem, disse que está regressando imediatamente a Bogotá com a cúpula militar. O presidente classificou o ato como terrorista

  O Parlamento britânico rejeitou hoje (15) o Brexit proposto pela primeira-ministra, Theresa May
Parlamento britânico rejeita acordo para saída do Reino Unido da União Europeia

15/01/2019 18:06

O Parlamento debate nesta quarta-feira (16) uma moção de censura ao governo apresentada pelo Partido Trabalhista. Com a decisão, o futuro de Theresa May é considerado incerto, pois o acordo proposto além de rejeitado pela maioria, obteve votos também de partidos que tradicionalmente ficavam ao seu lado


Notas

Andrews aluga

Publicidades

Bolsas 100% MOSSORÓ