19 JUN 2024 | ATUALIZADO 11:17

POLÍCIA

  “Intocáveis”: justiça bloqueia R$ 35 milhões em bens de casal ligado ao tráfico interestadual de drogas. A operação foi deflagrada na manhã desta segunda-feira (3), pela equipe da Denarc de Natal, e resultou na prisão de dez suspeitos ligados ao tráfico interestadual de drogas, entre eles, um casal milionário, responsável pela distribuição de drogas e que liderava a organização criminosa. A prisão dos dois aconteceu no Estado de Santa Catarina. As investigações, que se iniciaram há mais de seis meses, apuram os crimes de tráfico de drogas interestadual, organização criminosa, comércio ilegal de arma de fogo e lavagem de dinheiro. Além das prisões, a polícia civil conseguiu na justiça o bloqueio de valores que superam os R$35 milhões, além do sequestro de cinco imóveis de alto padrão, duas lanchas, jóias, armas e dois veículos de luxo.
“Intocáveis”: justiça bloqueia R$ 35 milhões em bens de casal ligado ao tráfico interestadual

03/06/2024 15:02

A operação foi deflagrada na manhã desta segunda-feira (3), pela equipe da Denarc de Natal, e resultou na prisão de dez suspeitos ligados ao tráfico interestadual de drogas, entre eles, um casal milionário, responsável pela distribuição de drogas e que liderava a organização criminosa. A prisão dos dois aconteceu no Estado de Santa Catarina. As investigações, que se iniciaram há mais de seis meses, apuram os crimes de tráfico de drogas interestadual, organização criminosa, comércio ilegal de arma de fogo e lavagem de dinheiro. Além das prisões, a polícia civil conseguiu na justiça o bloqueio de valores que superam os R$35 milhões, além do sequestro de cinco imóveis de alto padrão, duas lanchas, jóias, armas e dois veículos de luxo.

  Maio de 2024 registra redução de 7,8% no número de mortes violentas no RN. No acumulado do ano até agora, a queda é de 12,5% em comparação aos cinco primeiros meses de 2023. Em números absolutos, 71 pessoas foram vítimas de mortes violentas intencionais (MVIs) em maio de 2024, contra 77 ocorrências registradas no mesmo período de 2023. No acumulado do ano, foram 386 mortes registradas de janeiro a maio, contra 441 ocorrências em 2023, ou seja, 55 assassinatos a menos.
Maio de 2024 registra redução de 7,8% no número de mortes violentas no RN

03/06/2024 10:57

No acumulado do ano até agora, a queda é de 12,5% em comparação aos cinco primeiros meses de 2023. Em números absolutos, 71 pessoas foram vítimas de mortes violentas intencionais (MVIs) em maio de 2024, contra 77 ocorrências registradas no mesmo período de 2023. No acumulado do ano, foram 386 mortes registradas de janeiro a maio, contra 441 ocorrências em 2023, ou seja, 55 assassinatos a menos.

  Forças de segurança não registraram ocorrências graves durante o “Pingo da Mei Dia”. As principais ocorrências, assim como acontece todos os anos, foram relacionadas a furtos de celulares, tendo a Delegacia de Plantão do Alto de São Manoel registrado 27 Boletins de Ocorrência e uma prisão em flagrante por furto e cumprimento de mandado de prisão. Já a Delegacia de Polícia Civil instalada no evento, registrou 124 Boletins de Ocorrência.  Para um evento desse porte, já podemos considerar o Pingo da Mei Dia um grande sucesso em segurança, que é resultado da integração de todas as forças de segurança e do investimento em inteligência”, destacou o secretário de segurança de Mossoró, Coronel Costa.
Forças de segurança não registraram ocorrências graves durante o “Pingo da Mei Dia”

03/06/2024 09:44

As principais ocorrências, assim como acontece todos os anos, foram relacionadas a furtos de celulares, tendo a Delegacia de Plantão do Alto de São Manoel registrado 27 Boletins de Ocorrência e uma prisão em flagrante por furto e cumprimento de mandado de prisão. Já a Delegacia de Polícia Civil instalada no evento, registrou 124 Boletins de Ocorrência. Para um evento desse porte, já podemos considerar o Pingo da Mei Dia um grande sucesso em segurança, que é resultado da integração de todas as forças de segurança e do investimento em inteligência”, destacou o secretário de segurança de Mossoró, Coronel Costa.

  As vítimas foram: Antônio Nero Rosa, conhecido por Zé Antônio, de 49 anos, e José Martins de Lima, conhecido por Dezinho, de 46 anos. O primeiro foi morto com uma facaozada em frente à praça do bairro e outro com tiros de pistola dentro do quarto onde dormia com a esposa.
PM registra dois assassinatos em Caraúbas nas últimas 24 horas

01/06/2024 10:56

As vítimas foram: Antônio Nero Rosa, conhecido por Zé Antônio, de 49 anos, e José Martins de Lima, conhecido por Dezinho, de 46 anos. O primeiro foi morto com uma facaozada em frente à praça do bairro e outro com tiros de pistola dentro do quarto onde dormia com a esposa.

  Wendel Lagartixa tem novo pedido de habeas corpus negado pela justiça da Bahia. Esta é a segunda vez que o pedido do policial militar reformado é negado. O documento foi assinado pela desembargadora Inez Maria Miranda, da Segunda Câmara Criminal – 2ª Turma do Tribunal de Justiça da Bahia. Na decisão, a desembargadora pontuou que “em face da fundamentação apresentada pelo decreto constritivo, não verifico, neste momento, ilegalidade manifesta que autorize o deferimento do pedido em caráter de urgência”. A mesma magistrada já havia negado pedido de habeas corpus no último dia 13. Wendel Lagartixa responde pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e fraude processual.
Wendel Lagartixa tem novo pedido de habeas corpus negado pela justiça da Bahia

31/05/2024 17:18

Esta é a segunda vez que o pedido do policial militar reformado é negado. O documento foi assinado pela desembargadora Inez Maria Miranda, da Segunda Câmara Criminal – 2ª Turma do Tribunal de Justiça da Bahia. Na decisão, a desembargadora pontuou que “em face da fundamentação apresentada pelo decreto constritivo, não verifico, neste momento, ilegalidade manifesta que autorize o deferimento do pedido em caráter de urgência”. A mesma magistrada já havia negado pedido de habeas corpus no último dia 13. Wendel Lagartixa responde pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e fraude processual.


Notas

Relativa

Publicidades