13 ABR 2021 | ATUALIZADO 18:12
SAÚDE
27/02/2021 22:45
Atualizado
27/02/2021 23:11

Diretora técnica do HRTM avisa que Mossoró está abeira de um colapso na saúde

A+   A-  
A anestesiologista Lana Lacerda disse que dos 59 leitos de UTI Covid19 existentes em Mossoró, apenas 4 estão desocupados. O Hospital São Luiz, por exemplo, que tem 40 leitos de UTI, está com 38 ocupados e tem outros 26 pacientes na enfermaria; os hospitais regionais da região também já estão todos praticamente lotados
Imagem 1 -  A anestesiologista Lana Lacerda disse que dos 59 leitos de UTI Covid19 existentes em Mossoró, apenas 4 estão desocupados. O Hospital São Luiz, por exemplo, que tem 40 leitos de UTI, está com 38 ocupados e tem outros 26 pacientes na enfermaria; os hospitais regionais da região também já estão todos praticamente lotados
A anestesiologista Lana Lacerda disse que dos 59 leitos de UTI Covid19 existentes em Mossoró, apenas 4 estão desocupados. O Hospital São Luiz, por exemplo, que tem 40 leitos de UTI, está com 38 ocupados e tem outros 26 pacientes na enfermaria; os hospitais regionais da região também já estão todos praticamente lotados
Foto: Reprodução

O município de Mossoró, nesta noite de sábado, 27 chega ao seu limite máximo de internação de pacientes covid19. Os números mostram que os hospitais estão à beira de um colapso.

A informação é da diretora técnica do Hospital Regional Tarcísio Maia, anestesiologista Lana Lacerda. Ela faz um apelo para que a população não aglomere, não desrespeite as novas sanitárias, proteja seus familiares do coronavirus.


Dados da noite deste sábado:

Leitos de UTI:

Hospital Rafael Fernandes: 10 leitos, 1 disponível

Hospital São Luiz: 40 leitos, 2 disponíveis

Hospital Regional de Assu: 10 leitos: 2 disponíveis

Hospital Regional de Pau dos Ferros: 10 leitos: 2 disponíveis

Hospital Regional Tarcísio Maia: 9 leitos: 1 disponível e 1 regulado

Hospital Regional de Apodi: lotado

Lana Lacerta faz pedido a população de Mossoró, que diante do quadro de quase colapso no sistema de saúde, não só de Mossoró, mas de toda a região Oeste do Rio Grande do Norte, a população precisa ficar em casa.

A diretora destacou que das 59 vagas de UTI covid19 instaladas em Mossoró, só existe 4 leitos vagos. “Vai chegar a um momento que não terá mais vagas para internar pacientes graves". O colapso na rede de atendimento covid19 em Mossoró deve ocorrer neste domingo.

Lana Lacerda pede que a população fique em casa. Se precisar sair, que adote todas as medidas de segurança para não se contaminar ou transportar a doença para dentro de casa. 

Veja mais

Prefeitura informa que vai endurecer fiscalização nas ruas de Mossoró

Governadora decreta toque de recolher das 22 as 5 horas em todo o RN

Em Natal, o quadro já é de colapso desde o início da semana. Está transferindo pacientes para Caicó, Pau dos Ferros e Mossoró. Na outra capital, mesma distância de Mossoró, o jornal O Povo informa que a situação também é de quase colapso. 

Veja mais

Fortaleza tem 93,8% dos leitos de UTI covid19 ocupados: quatro hospitais estão lotados


Notas

Posto JP Fevereiro de 2021

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário