15 JUN 2024 | ATUALIZADO 22:35
POLÍCIA
ANNA PAULA BRITO
13/12/2023 22:23
Atualizado
13/12/2023 22:58

Júri condena assassinos de Eliel Ferreira; penas ultrapassam os 20 anos de prisão

A+   A-  
As penas terminaram de ser proferidas por volta das 22h horas desta quarta-feira (13). Às 18h50 o conselho de sentença se retirou para deliberar sobre as informações que foram apresentadas nos dois dias de julgamento, iniciado na manhã desta terça-feira (12). Ialamy Gonzaga, conhecido por Junior Preto, de 40 anos, Francisco de Assis Ferreira da Silva, conhecido por Neném, e Josemberg Alexandre da Silva, conhecido por Beberg, de 38 anos, também foram condenados por uma tentativa de homicídio contra Lucas Emanoel. Com a decisão do conselho de sentença pela condenação, a dosimetria estabelecida foi 23 anos para Ialamy, 25 anos para Francisco e 22 anos para Josemberg, todas devendo ser cumpridas, inicialmente, em regime fechado.
Imagem 1 -  Júri condena assassinos de Eliel Ferreira; penas ultrapassam os 20 anos de prisãoAs penas terminaram de ser proferidas por volta das 22h horas desta quarta-feira (13). Às 18h50 o conselho de sentença se retirou para deliberar sobre as informações que foram apresentadas nos dois dias de julgamento, iniciado na manhã desta terça-feira (12). Ialamy Gonzaga, conhecido por Junior Preto, de 40 anos, Francisco de Assis Ferreira da Silva, conhecido por Neném, e Josemberg Alexandre da Silva, conhecido por Beberg, de 38 anos,  também foram condenados por uma tentativa de homicídio contra Lucas Emanoel. Com a decisão do conselho de sentença pela condenação, a dosimetria estabelecida foi 23 anos para Ialamy, 25 anos para Francisco e 22 anos para Josemberg, todas devendo ser cumpridas, inicialmente, em regime fechado.
Júri condena assassinos de Eliel Ferreira; penas ultrapassam os 20 anos de prisãoAs penas terminaram de ser proferidas por volta das 22h horas desta quarta-feira (13). Às 18h50 o conselho de sentença se retirou para deliberar sobre as informações que foram apresentadas nos dois dias de julgamento, iniciado na manhã desta terça-feira (12). Ialamy Gonzaga, conhecido por Junior Preto, de 40 anos, Francisco de Assis Ferreira da Silva, conhecido por Neném, e Josemberg Alexandre da Silva, conhecido por Beberg, de 38 anos, também foram condenados por uma tentativa de homicídio contra Lucas Emanoel. Com a decisão do conselho de sentença pela condenação, a dosimetria estabelecida foi 23 anos para Ialamy, 25 anos para Francisco e 22 anos para Josemberg, todas devendo ser cumpridas, inicialmente, em regime fechado.

O Conselho de Sentença do Tribunal do Júri Popular da Comarca de Natal decidiu pela condenação de Ialamy Gonzaga, conhecido por Junior Preto, de 40 anos, Francisco de Assis Ferreira da Silva, conhecido por Neném, e Josemberg Alexandre da Silva, conhecido por Beberg, de 38 anos, pelo homicídio de Eliel Ferreira Cavalcante Júnior, de 25 anos.

O crime aconteceu no dia 9 de abril de 2022, no bairro Doze Anos, no município de Mossoró. O trio também foi condenado por uma tentativa de homicídio contra Lucas Emanoel, então namorado de Eliel.

A pena foi proferida por volta das 22h desta quarta-feira (13). Às 18h50 os sete jurados se retiraram para deliberar sobre as informações que foram apresentadas nos dois dias de julgamento, iniciado na manhã desta terça-feira (12).

Com a decisão do conselho de sentença pela condenação, a dosimetria estabelecida foi de:

Ialamy Gonzaga: 23 anos

Francisco de Assis: 25 anos

Josemberg Alexandre: 22 anos

A pena do Ialamy Gonzaga foi menor devido às circunstâncias atenuantes: o fato dele não ter antecedentes criminais, ser considerado uma pessoa de boa conduta (antes de crime), bem como o fato de ele ter confessado o crime. 

Notas

Relativa

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário