06 DEZ 2021 | ATUALIZADO 17:36

NACIONAL

  Jean denuncia que inflação dos preços da gasolina está ligada à venda de refinarias. Para o Líder da Minoria no Senado, políticas e descaso do governo federal são responsáveis pela alta. “É a venda das nossas refinarias que faz o governo federal lutar tanto pela paridade de preços internacionais no lugar de praticar um preço mais baixo para o mercado interno e para a população brasileira. Quem está sendo penalizada é a dona de casa que não tem um botijão de gás e é obrigada a buscar alternativas que colocam em risco sua vida”, afirmou Jean Paul.
Jean denuncia que inflação dos preços da gasolina está ligada à venda de refinarias

23/11/2021 13:44

Para o Líder da Minoria no Senado, políticas e descaso do governo federal são responsáveis pela alta. “É a venda das nossas refinarias que faz o governo federal lutar tanto pela paridade de preços internacionais no lugar de praticar um preço mais baixo para o mercado interno e para a população brasileira. Quem está sendo penalizada é a dona de casa que não tem um botijão de gás e é obrigada a buscar alternativas que colocam em risco sua vida”, afirmou Jean Paul.

  Bolsonaro sanciona Projeto de Lei que cria o auxílio Gás dos Brasileiros. A Lei 14.237/21 foi publicada nesta segunda-feira (22) no Diário Oficial da União. A norma é oriunda de projeto de lei apresentado na Câmara pelo deputado Carlos Zarattini (PT-SP) e outros (PL 1374/21). O relator foi o deputado Christino Aureo (PP-RJ). O auxílio, que vai subsidiar o preço do gás de cozinha para famílias de baixa renda, será pago por cinco anos.
Bolsonaro sanciona Projeto de Lei que cria o auxílio Gás dos Brasileiros

22/11/2021 12:23

A Lei 14.237/21 foi publicada nesta segunda-feira (22) no Diário Oficial da União. A norma é oriunda de projeto de lei apresentado na Câmara pelo deputado Carlos Zarattini (PT-SP) e outros (PL 1374/21). O relator foi o deputado Christino Aureo (PP-RJ). O auxílio, que vai subsidiar o preço do gás de cozinha para famílias de baixa renda, será pago por cinco anos.

  “Enem não mede conhecimento e prova é utilizada para ativismo”, diz BolsonaroNa segunda (15), Bolsonaro tinha dito que as questões do exame estão começando “a ter a cara do governo”. De acordo com o chefe do Executivo, as questões estão mais alinhadas e voltadas “ao aprendizado”. “O que eu considero muito é que começa a ter a cara do governo as questões da prova do Enem. Ninguém [precisa ficar] preocupado com aquelas questões absurdas do passado, de cair um tema de redação que não tinha nada a ver com nada. É realmente algo voltado para o aprendizado”, afirmou na saída de um evento nos Emirados Árabes.
“Enem não mede conhecimento e prova é utilizada para ativismo”, diz Bolsonaro

17/11/2021 16:25

Na segunda (15), Bolsonaro tinha dito que as questões do exame estão começando “a ter a cara do governo”. De acordo com o chefe do Executivo, as questões estão mais alinhadas e voltadas “ao aprendizado”. “O que eu considero muito é que começa a ter a cara do governo as questões da prova do Enem. Ninguém [precisa ficar] preocupado com aquelas questões absurdas do passado, de cair um tema de redação que não tinha nada a ver com nada. É realmente algo voltado para o aprendizado”, afirmou na saída de um evento nos Emirados Árabes.

INSS convoca beneficiários para revisão de auxílio por incapacidade temporária

17/11/2021 15:36

Cerca de 95 mil beneficiários foram convocados por edital no fim de setembro e têm até a próxima sexta-feira (19) para agendar nova perícia médica, em que será avaliado se o beneficiário permanece incapaz para o trabalho. O prazo inicial, que ia até 11 de novembro, foi prorrogado para o dia 19. O agendamento pode ser feito por meio do aplicativo Meu INSS ou da central de atendimento 135.

Ministério anuncia dose de reforço para maiores de 18 anos; intervalo passa de 6 para 5 meses

16/11/2021 14:02

Em Mossoró, de acordo com o coordenador de imunização, Etevaldo de lima, a secretaria municipal de saúde ainda não recebeu a nota técnica oficial do Ministério da saúde para dar início a aplicação da dose de reforço de toda a população. “Estamos aguardando o envio da nota técnica oficial por parte do Ministério da saúde, com as orientações necessárias para a aplicação da dose de reforço em toda a população acima de 18 anos, por enquanto, continuamos apenas com os idosos e profissionais de saúde tomando a terceira dose”, disse Etevaldo.


Notas

Tekton

Publicidades