19 MAI 2019 | ATUALIZADO 09:00
POLÍCIA

Tribunal do Júri Popular volta a se reunir nesta terça-feira em Mossoró

Será julgado José Rogaciano, o Vaqueirinho, por tentar matar Yure Gagarin, a facadas, no dia 13 de outubro de 2018 no bairro Santo Antônio
22/04/2019 22:46
Atualizado
23/04/2019 09:30
A+   A-  
Tribunal do Júri Popular volta a se reunir nesta terça-feira em Mossoró
José Rogaciano da Silva, o Vaqueirim, de 33 anos, está no banco dos réus pelo crime tentativa de homicídio contra Yure Gagarin Batista.

O Tribunal do Júri Popular volta a se reunir nesta terça-feira, 23, no Fórum Municipal Desembargador Silveira Martins, para julgar o agricultor José Rogaciano da Silva, de 33 anos, do crime tentativa de homicídio contra Yure Gagarin Batista. 


O crime

"No dia 13 de outubro de 2018, por volta das 00h30min, na Rua Coronel Sebastião Revoredo, s/n, Via, Casa nº 01, próximo ao Colégio Raimunda Nogueira do Couto, Bairro Santo Antônio, Mossoró/RN, o denunciado José Rogaciano da Silva, conhecido por Vaqueirinho, por razões não esclarecidas, fazendo uso uma faca tipo peixeira, tentou contra a vida de Iury Gagarin Batista, Não logrando êxito por circunstâncias alheias à sua vontade. "


O Vaqueirinho foi impedido de matar Iury Gagarin por um vigilante de rua, que ouviu pedidos de socorro e entrou na casa, em tempo de evitar o assassinato, prendeu o suspeito e chamou a Policia Militar para conduzir o suspeito a Delegacia de Polícia Civil.

O julgamento está previsto para começar de 8h30 da manhã, sob a presidência do juiz Vagnos Kelly Figueiredo de Medeiros, com o sorteio dos sete membros do Conselho de Sentença.

O Ministério Púbico Estadual será representado no plenário pelo promotor de Justiça Italo Moreira Martins, que se seguir a peça no processo, deve pedir a condenação do réu por tentativa de homicídio. No plenário ele decide se qualificado ou simples.

O defensor público Diego Melo da Fonseca está inscrito no processo para defender os interesses do réu Vaqueirinho. O julgamento deve ser concluído antes do meio dia, com o resultado final do julgamento sendo lido pelo juiz presidente dos trabalhos.


Notas

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário