07 JUN 2020 | ATUALIZADO 16:10
MOSSORÓ
ANNA PAULA BRITO
06/05/2020 17:10
Atualizado
06/05/2020 17:56

Idosa de 84 anos é aplaudida ao deixar UTI recuperada da Covid-19 em Mossoró

A+   A-  
Maria da Conceição de Castro passou 20 dias internada na UTI do Hospital Wilson Rosado, chegando a ficar entubada, em estado gravíssimo. Nesta quarta-feira (6), recebeu alta para concluir o tratamento em um quarto simples. Dona Maria é mãe de Anaísa Silva de Castro, de 42 anos, que morreu devido a doença no dia 21 de abril.
Imagem 1 -  Idosa de 84 anos é aplaudida ao deixar UTI recuperada da Covid-19. Maria da Conceição de Castro passou 20 dias internada na UTI do Hospital Wilson Rosado, em Mossoró, chegando a ficar entubada, em estado gravíssimo. Nesta quarta-feira (6), recebeu alta para concluir o tratamento em um quarto simples. Dona Maria é mãe de Anaísa Silva de Castro, de 42 anos, que morreu devido a doença no dia 21 de abril.
Idosa de 84 anos é aplaudida ao deixar UTI recuperada da Covid-19. Maria da Conceição de Castro passou 20 dias internada na UTI do Hospital Wilson Rosado, em Mossoró, chegando a ficar entubada, em estado gravíssimo. Nesta quarta-feira (6), recebeu alta para concluir o tratamento em um quarto simples. Dona Maria é mãe de Anaísa Silva de Castro, de 42 anos, que morreu devido a doença no dia 21 de abril.
FOTO: REPRODUÇÃO

Após 20 dias de internação na UTI por causa da Covid-19, uma notícia alegrou e renovou a esperança da família Castro. Nesta quarta-feira (6), Maria da Conceição de Castro, de 84 anos, finalmente recebeu alta para terminar de se recuperar em um quarto simples do hospital.

Dona Maria foi internada no dia 17 de abril, no Hospital Wilson Rosado, em Mossoró. Ela é mãe de Anaísa Silva de Castro, de 42 anos, que morreu devido a doença no dia 21 de abril.

Veja mais:

“Foi uma situação muito triste. Minha irmã era uma pessoa muito querida”


Por ter sido internada dois dias antes da filha, dona Maria ainda não sabe do falecimento de Anaísa. A família prefere aguardar seu completo restabelecimento para dar a notícia.

Diabética e hipertensa, Maria da Conceição permaneceu entubada por vários dias, chegando a ficar em estado considerado gravíssimo pelos médicos.

Apesar da perda precoce de Anaísa, dois dias após ter sido internada, o irmão dela e filho de Dona Maria, Airton Castro, conta que em nenhum momento a família perdeu a esperança de que a mãe conseguiria vencer a doença.

Na tarde desta quarta-feira, após receber alta, a idosa foi aplaudida pela equipe da UTI do Hospital e se emocionou com todo o carinho que recebeu.

Apesar disso, Airton explica que a mãe está um pouco desorientada e que não tem muita noção do que está acontecendo no momento, situação normal para quem enfrentou as dificuldades vividas por ela nos últimos dias.

“Ela consegue falar, mas ainda está desnorteada. Ela não tem noção. Acha que veio fazer uma cirurgia. Tem hora que fala coisas coerentes e outras não”, explica.

O filho fala que a família está muito feliz com a recuperação de Dona Maria, que vai completar 85 anos agora no mês de junho.

“É uma felicidade, depois de dias dela na UTI, é uma uma alegria muito grande ver que ela se superou, que ela está bem, que ela é uma guerreira, que ela é muito forte de superar uma doença deças na idade em que ela está. É uma felicidade muito grande que Deus poupou a vida dela, que Deus deu mais anos de vida pra ela e a gente tem que aproveitar agora esse tempo que Deus deu e assimilar o que aconteceu”, diz.

Recuperada da Covid-19, Maria da Conceição agora terá apenas que fazer acompanhamento com um fisioterapeuta para amenizar os danos causados pela doença, mas feliz por tê-la vencido.


Notas

Compra Notebook

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário