23 JUN 2021 | ATUALIZADO 18:15
ESTADO
10/06/2021 09:25
Atualizado
10/06/2021 10:44

RN recebe 59,2 mil doses da Astrazeneca para iniciar vacinação do público geral

A+   A-  
O voo com os imunizantes desembarcou no aeroporto de Natal no início da madrugada desta quinta-feira (10). Nesta quarta-feira (9), a Sesap e os municípios pactuaram que será iniciada a vacinação de novos grupos, por faixa etária, além de incluir nas prioridades lactantes, neste primeiro momento, de bebês com até seis meses.
Imagem 1 -  RN recebe 59,2 mil doses da Astrazeneca para iniciar vacinação do público geral . O voo com os imunizantes desembarcou no aeroporto de Natal no início da madrugada desta quinta-feira (10). Nesta quarta-feira (9), a Sesap e os municípios pactuaram que será iniciada a vacinação de novos grupos, por faixa etária, além de incluir nas prioridades lactantes, neste primeiro momento, de bebês com até seis meses.
RN recebe 59,2 mil doses da Astrazeneca para iniciar vacinação do público geral . O voo com os imunizantes desembarcou no aeroporto de Natal no início da madrugada desta quinta-feira (10). Nesta quarta-feira (9), a Sesap e os municípios pactuaram que será iniciada a vacinação de novos grupos, por faixa etária, além de incluir nas prioridades lactantes, neste primeiro momento, de bebês com até seis meses.
FOTO: RAIANE MIRANDA

O Rio Grande do Norte recebeu, no início da madrugada desta quinta-feira (10), o segundo lote de vacinas contra a Covid-19 nesta semana.

A carga conta com 59.250 vacinas da Astrazeneca/Fiocruz, que conta com as primeiras doses destinadas ao público sem comorbidades entre 18 e 59 anos.

O lote recebido pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) foi direcionado à Unidade Central de Agentes Terapêuticos (Unicat), para posterior distribuição entre os municípios. A Sesap e os municípios pactuaram ontem (9) que será iniciada a vacinação de novos grupos.

Neste primeiro momento, os municípios poderão abrir a vacinação por faixa de idade, de forma decrescente, e as lactantes com bebês até 6 meses.

O acordo feito entre Sesap e municípios na Comissão Intergestores Bipartite (CIB) é de que a vacinação por idade seguirá em paralelo com as prioridades estipuladas no plano nacional de vacinação.

Ficou estipulado que, após reservada a cota dos profissionais da educação, metade do lote será para atender por faixa de idade e a outra metade destinada à continuidade dos grupos prioritários.


Notas

Posto JP - Maio de 2021

Publicidades

Outras Notícias

Deixe seu comentário